Relatorio fisica experimental a3

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1520 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO
CENTRO TECNOLÓGICO
ENGENHARIA ELÉTRICA

nome

EXPERIÊNCIA A3

VITÓRIA
2013

nome

EXPERIÊNCIA A3

Relatório apresentado à disciplina de
Laboratório de Física Experimental paraGraduação em Engenharia Elétrica da
Universidade Federal do Espírito Santo.

VITÓRIA
2013

SUMÁRIO

CONTEÚDO DO RELATÓRIO PÁG.

1. Introdução................................................................................ 4
2. Objetivos daexperiência...........................................................4
3. Equipamentos utilizados.......................................................... 5
4. Procedimentos......................................................................... 5
5. Resultado................................................................................. 5
6. Análise dos resultados............................................................. 7
7.Conclusão............................................................................... 10
8. Referência bibliográfica...........................................................10


4
4
1. INTRODUÇÃO
A partir da experiência realisa com o arco de bicicleta e um peso calcularemos o momento de inércia do aro e verificar a extensão da Segunda lei de Newton para o movimento derotação de um objeto em torno de um eixo. Serão usados os dados colhidos na experiência para fazer os devidos cálculos.

2. OBJETIVOS DA EXPERIÊNCIA

Esta experiência tem como objetivo medir o momento de inércia de um aro de bicicleta, assim como verificar a extensão da Segunda Lei de Newton para o movimento de rotação de um objeto em torno de um eixo fixo:
= I.

Existe uma grandeza físicaassociada à inércia de rotação. Ela é denominada
momento de inércia. Assim como um corpo massivo apresenta sua tendência de permanecer em seu estado inicial de movimento com uma velocidade constante, que inclusive pode ser zero, no caso em que o somatório das forças atuantes é nulo, também existe uma resistência à mudança no movimento rotacional. Esta resistência à mudança em sua velocidadeangular é conhecida como momento de inércia do respectivo corpo.
O momento de inércia está relacionado com a somatória da massa de pequenas partes de um corpo multiplicada pelo quadrado da distância deste ao eixo de rotação:
I = miRi2
“O torque é produzido por uma força em relação a um eixo; é o torque que tende a fazer com que o objeto gire. O módulo do torque em relação a um eixo é o produto domódulo da força pela distância perpendicular do eixo à linha de ação da força:”
= R.F.sen
Que pode ser reescrito na forma de:
5
5
= I.
3. EQUIPAMENTOS UTILIZADOS

* pequenos objetos para fornecer o peso P ;
* uma balança
* uma régua vertical com cursor;
* um aro de bicicleta;
* um pequeno cilindro para sustentar o aro;
* um cronômetro;

4. PROCEDIMENTOSDependurar o objeto de peso P e, com o barbante totalmente desenrolado, medir o limite mais baixo da trajetória de P e anotar o valor.
Enrolar o barbante, levando P até uma posição mais alta. Medir e anotar este novo valor. Em seguida soltar o aro e acionar o cronômetro no mesmo instante, depois que o aro completar N voltas (de 4 a 6), parar o cronômetro, mas deixando que o aro continue a se movimentaraté que sua velocidade seja nula. Anotar o tempo e a altura que o peso P está do chão. Repetir os procedimentos mais 4 vezes e tirar a média dos dados (não precisa medir novamente o limite mais baixo da trajetória de P).
Medir a massa do objeto P, do aro de bicicleta e os comprimentos dos raios interno e externo do aro.
Para efetuar a medida do raio r do pequeno cilindro fazer o aro girar...
tracking img