Relatorio física experimental 1 queda livre

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 7 (1671 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 6 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]








Laboratório Experimental A







Queda Livre








Acadêmico (s) RGM
André Nascimento da Silva 21250
Cleir de Souza Silva21254
Everton Antunes Bezerra 21260
Gisele do Espirito Santo França 21265






Prof.º Luciano Conti





Dourados – MS, 20/10/2010

Índice


Sumário

Desenvolvimento Teórico 4
Materiais utilizados 5
Procedimento Experimental 6
ResultadosObtidos 7
Tabela 1: TEMPOS ESFERA PEQUENA 7
Tabela 2: TEMPOS ESFERA MÉDIA 7
Tabela 3: TEMPOS ESFERA GRANDE 8
Tabela 4: TEMPOS ESFERA DE ISOPOR 8
Tabela 5: g padrão 8
Tabela 6: V1 para todas as esferas 8
Tabela 7: Velocidades esfera pequena 9
Tabela 8: g esfera pequena 9
Tabela 9: Velocidades esfera média 9
Tabela 10: g esfera média 9
Tabela 11: Velocidades esferagrande 9
Tabela 12: g esfera grande 9
Tabela 13: Velocidades esfera de isopor 10
Tabela 14: g esfera de isopor 10
Fórmulas utilizadas 11
Gráficos sxt 12
Análise dos Resultados 13
Conclusão 14
Bibliografia 15

Objetivo

Com o experimento de queda livre, comprovar que objetos de diferentes pesos podem ter a mesma velocidade saírem de uma determinada altura ao mesmo tempo echegarem juntos ao chão. Caracterizando o MRUV sob influência de um campo gravitacional, e determinar a aceleração da gravidade de um corpo próximo a superfície da Terra.

Desenvolvimento Teórico



Quando um certo corpo é solto de uma determinada altura, ele adquire um movimento de queda vertical, cuja velocidade aumenta continuamente. Podemos dizer que todos os corpos caem com a mesmaaceleração – a aceleração da gravidade. Esse movimento de queda, é mais conhecido como queda livre. Sua trajetória é retilínea, vertical, e a aceleração é a mesma: a aceleração da gravidade [pic] cujo valor é, aproximadamente, [pic].
Trata-se de MRUV, com apenas algumas pequenas diferenças como:
• A trajetória é sempre vertical, a variável x, é substituída pela variável y, representando aposição.
• A aceleração é a da gravidade, então adotaremos sempre [pic].
Para a velocidade [pic] temos a equação de Torricelli:
[pic]
Sendo [pic]; [pic] e [pic], então temos que:
[pic]
[pic] (1)
Para calcular os outros V de cada espaço, usamos a equação:
[pic](2)
Para os [pic]de cada trecho, temos que:
[pic] (3)







Materiais utilizados





• Conjunto para queda de corpos Klein
• Balança eletrônica pesadora Marte® com sensibilidade de 0,00001 kg
• Esferas de aço
• Esfera de isopor
• Eletroímã
• Fonte paraalimentação de bobinas de disparo e reflexão - CIDEPE

Procedimento Experimental



Com o arranjo experimental de queda livre montado sobre a bancada, nos familiarizamos com os componentes antes de qualquer coisa. Verificamos e ajustamos então, a correta posição dos fotosensores em: 0; 0,15; 0,30; 0,45 e 0,60 m. Para o primeiro corpo de prova, a esfera metálica pequena, ajustamos oeletroímã para que a esfera estivesse na eminência de disparar o fotosensor, para que [pic] e [pic]. Após este passo, testamos o acionamento dos fotosensores nos quatro intervalos de tempo marcados pelo cronômetro digital; após esta verificação, demos início ao processo de queda, sendo repetido esse processo 5 vezes, uma por cada experimentador, sendo que um experimentador o realizava duas vezes por...
tracking img