Relatorio dureza

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1178 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Sumário

Introdução 1

Objetivos 2

Aparelhagem e materiais 3

Metodologia 3

Procedimentos 3

Resultados Experimentais 5

Memória de cálculo 5

Conclusão 6



Introdução
Dureza de uma água é a medida da sua capacidade de precipitar sabão, nas águas que a possuem, os sabões transformam-se em complexos insolúveis, não formam espuma até que o processo seesgote. O sabão é precipitado principalmente pela presença de íons cálcio e magnésio, associados a ânions carbonatos ou bicarbonatos e sulfatos, além de outros ânions como nitratos, silicatos e cloretos. Outros cátions, como por exemplo, ferro, manganês, estrôncio, zinco, alumínio, hidrogênio, podem precipitar o sabão, porém, geralmente estão presentes na água na forma de complexos, frequentemente comconstituintes orgânicos, e sua participação na dureza da água é mínima.
O cálcio e magnésio estão presentes na água, principalmente nas seguintes formas: bicarbonatos de cálcio e de magnésio; sulfatos de cálcio e de magnésio.
A dureza da água pode ser classificada quanto aos cátions e quanto aos ânions, sendo que ambos estão associados.
Quanto ao cátion, a dureza é classificada em dureza aocálcio e dureza ao magnésio. Quanto ao ânion associado, a dureza é classificada como dureza temporária e dureza permanente.
A dureza temporária é aquela em que o cálcio ou magnésio encontram-se associados a carbonatos ou bicarbonatos e pode ser removida por fervura da água ou por substâncias alcalinas que geram a precipitação dos carbonatos ou bicarbonatos destes íons.
A dureza permanente é aquelaem que o cálcio e o magnésio encontram-se associados a sulfatos e outros compostos como o cloreto, por exemplo. Por fim, a dureza total é a soma as dureza temporária e a permanente.
Existem algumas relações entre alcalinidade e dureza que são válidas:
Quando a alcalinidade aos bicarbonatos é menor que a dureza total, a dureza temporária é equivalente alcalinidade de bicarbonatos e existe durezapermanente na amostra.

Quando a alcalinidade é maior ou até mesmo igual, a dureza total, não há dureza permanente.
Dureza é também, um parâmetro característico da qualidade de águas de abastecimento industrial e doméstico sendo que do ponto de vista da potabilização são admitidos valores máximos relativamente altos, típicos de águas duras ou muito duras. A despeito do sabor desagradável quereferidos níveis podem suscitar elas não causam problemas fisiológicos. No Brasil, o valor máximo permissível de dureza total fixado pelo padrão de potabilidade, ora em vigor, é de 500 mg de CaCO3/l.
Na prática do tratamento de esgotos a dureza é um parâmetro de utilização limitada a certos métodos baseados em reações de precipitação como é o caso do tratamento com cal. Em situações específicasconvém conhecerem-se as durezas devidas ao cálcio e ao magnésio, individualmente. Este é o caso do processo cal-soda de abrandamento de água no qual se tem necessidade de conhecer a fração da dureza de magnésio para estimar a demanda de cal.
No abastecimento publico de água, os problemas se referem ao consumo excessivo de sabão nas lavagens domesticas e a incidência de cálculo renal.
No abastecimentoindustrial, o problema está na dificuldade de utilização de água dura em sistemas como caldeiras, trocadores de calor, pois quando se eleva a temperatura, há formação de carbonatos que acabam precipitando e se incrustando podem ocorrer explosões de caldeiras.
Quanto aos graus de dureza, utilizando a escala americana podemos ter:
0 a 75 mg/L CaCO3 → dureza banda ou mole |
75 a 150mg/L CaCO3 →moderadamente dura |
150 a 300 mg/L CaCO3 → dura |
> que 300 mg/L CaCO3 → muito dura |
Objetivos
* Determinar a dureza de amostras de água;
* Conhecer métodos de determinações usuais;
* Interpretar e conhecer o significado dos resultados.
Aparelhagem e materiais
* Potenciômetro (medidor de pH);
* Erlenmeyer de 250 ml;
* Pipetas volumétricas de 50 ml;
*...
tracking img