Relatorio de estagio supervisionado da gestao escolar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5393 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
A INFLUÊNCIA DA MÍDIA NA FORMAÇÃO DA CRIANÇA HOJE1
Valéria Venturella
(com a colaboração de Clotilde P. Grazziotin e Maria Dalila Mallmann)2
INTRODUÇÃO
A cada dia nos deparamos – família e educadores – com desafios e frustrações cada vez maiores na nossa tarefa de educar. E as dificuldades encontradas são semelhantes em muitos lugares do mundo nesse novo milênio: crianças e jovenspreconceituosos, arrogantes, agressivos, insatisfeitos, e geralmente precoces sexualmente, enquanto imaturos emocionalmente.
A pergunta que todos se fazem é: as crianças são vilões ou vítimas nesta história? São vítimas, é a conclusão mais lógica. E se são vítimas, quem as está vitimando? Quem lhes está doutrinando para serem tão difíceis? A resposta a essa segunda pergunta parece tambémmuito óbvia: é a TV, são os filmes, são os jogos eletrônicos. É a mídia. Possivelmente seja mesmo a mídia a responsável pelo comportamento quase incontrolável das crianças modernas. E a terceira pergunta que surge aqui é: o que podemos, então, fazer?
Este trabalho tenta investigar o problema apresentado acima, em primeiro lugar contextualizando a criança moderna, a mídia e os principaisefeitos da mídia no comportamento infantil e, em segundo lugar, oferecendo sugestões sobre o que pode ser feito para reverter o quadro que todos bem conhecemos.
A CRIANÇA HOJE
A infância não é um conceito abstrato ou uma circunstância estanque, mas é obra do tempo e do espaço em que está inserida, resultante das relações sociais em curso, e se transforma à medida em que o ambiente sócio-culturalevolui (ROBBINS, 1997). Cada sociedade, assim, tem crianças condizentes com as condições sociais vigentes, e a maneira como as sociedades lidam com a infância – especialmente no que se refere ao espaço e às vivências a ela reservadas – determina como as próximas gerações verão a realidade (GOODENOUGH, 2000).
No mundo quase que totalmente programado e comercializado de hoje, há muito poucotempo e espaço para se ser verdadeiramente criança. As crianças de classes mais favorecidas têm seu tempo totalmente regulado pelos adultos, e são obrigados a se dedicar às mais diversas atividades: cursos de idiomas, esportes, computação, etc. Já as crianças de classes desfavorecidas, embora não tenham as oportunidades a que têm acesso as crianças ricas, também têm seu tempo tomado por pequenosserviços que garantem o
1
Artigo publicado na revista Hífen, v. 27, n. 51, PUCRS Uruguaiana, 2003, p. 37-44.
2
Alunas do nível VI do curso de Pedagogia – Educação Infantil da PUCRS Uruguaiana, 2002.
auxílio à família, ou, quando têm sorte, estão protegidas por projetos sociais em que não
podem administrar seu próprio tempo.
Antigamente, as crianças criavam os regulamentos de suasbrincadeiras. Elas inventavam regras para jogos como quebra-cabeças, bolinha de gude e memória. Hoje elas já não têm esse poder. Os novos brinquedos praticamente brincam sozinhos, enquanto a criança apenas assiste. ”Não há criatividade infantil que resista a tanta regulação”, afirma Edmir Perrotti, pesquisador na área de ciência e informação da Universidade Federal de São Paulo (COSTA, 2002).
Acriança moderna é forçada a produzir o tempo inteiro, ou por já fazer parte do mercado de trabalho, ou para entrar nele o mais rápido – e bem preparada – possível. O triste resultado é que houve, ao longo dos últimos trinta anos, um encurtamento progressivo da infância a ponto de crianças de sete ou oito anos não mais se comportarem como, ou se considerarem, crianças.
Outro fator importante aser considerado nesta equação é que as crianças do mundo inteiro hoje – e as brasileiras não são exceção – estão privadas dos espaços que costumavam ser seus: as ruas, as calçadas, as praças e o contato com a natureza (COSTA, 2002). Privadas desses espaços, elas se refugiam na frente do televisor, horas e horas de seus dias. As crianças modernas têm tido suas personalidades moldadas pela cultura...
tracking img