Relatorio de estagio iv em historia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1177 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS
UNIDADE ACADÊMICA
CURSO DE HISTÓRIA

RELATÓRIO DE ESTÁGIO IV:
Relatório parcial

Fabiano Enes da Silva

Petrópolis
2012
UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PETRÓPOLIS
UNIDADE ACADÊMICA
CURSO DE HISTÓRIA

RELATÓRIO DE ESTÁGIO IV:
Relatório Parcial

Trabalho realizado e apresentado à Universidade Católica de Petrópolis como requisito para pontuação nadisciplina de .Estágio IV

Autor do trabalho: Fabiano Enes

Professor orientador:

Petrópolis
2012
RESUMO

O trabalho de relatório parcial que se apresenta é uma justa colaboração informativa no sentido de promover as instituições de valor da cidade, entre elas: O Arquivo Histórico Municipal e a Congregação Mariana da Anunciação. Essas instituições tem valor imprescindível na construçãodo cidadão petropolitano, no conhecimento de sua história e seus valores humanos e cristãos e, por isso, merecem e devem ser corroboradas com um trabalho de pesquisa como esse. Ao dar segmento às questões propostas inicia-se parcialmente um pequeno texto que dará ensejo a uma mais prolongada e merecida pesquisa.

SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO

O presente trabalho se propõe a fornecer algunselementos para que possamos conhecer melhor um pouco da História de duas relevantes instituições na cidade de Petrópolis: O arquivo Histórico do Município que está instalado no Centro de Cultura Raul de Leoni e a Congregação Mariana, que na qualidade de instituição de cunho religioso contribui muito para a boa qualidade de vida intelectual na cidade.

2. ARQUIVO DO CENTRO DE CULTURA

3.1Histórico do arquivo

A formação e o conteúdo da documentação contida no setor do arquivo histórico foram geradas em 17 de junho de 1859 onde exercia os poderes executivos e legislativos e era representada por 8 vereadores estando soa sua responsabilidade a decisão sobre tudo que dizia respeito à cidade nas atividades políticas, administrativas, econômicas, sociais, arquitetônicas, etc. Suasdependências ficavam em um sobrado na Rua Paulo Barbosa. Os pedidos eram feitos por meio de documentos que eram analisados e julgados deferidos ou não pelos vereadores. Em 1916 foi criada a Prefeitura Municipal que passou a exercer o poder executivo gerando cada vez mais documentos solicitados pelos contribuintes.

3.2 Instalações do prédio

O Arquivo público Municipal contou com duasmulheres que foram responsáveis pela sua criação: Yedda Maria lobo Xavier (Chefe da Biblioteca Municipal) e Maria Amélia Porto Migueis (chefe da documentação do Museu Imperial). Elas procuraram o então prefeito Paulo Rattes e conseguiram a criação do Arquivo Municipal público pelo Decreto 198 de 07 de janeiro de 1977. O arquivo funciona hoje em uma parte do Centro de Cultura Raul de Leoni e faz parteintegrante do funcionamento da Fundação de Cultura. As instalações do prédio são modernas e de arquitetura diferenciada daqueles que estão ao seu redor. O arquivo abriga toda a documentação já citadas e também cuida da preservação das obras raras da Biblioteca.
O arquivo está dividido em: Arquivo Público Administrativo e Arquivo Histórico

3.3 Visitação

A visitação é livre egratuita. O horário de visitação obedece ao mesmo horário de todos os demais setores da Fundação, pois, funciona no mesmo prédio. A consulta e as cópias desejadas pelo consultor obedecem a regras e critérios que variam de acordo com o grau de raridade do documento, podendo ou não ser copiado ou manuseado. As regras para essa distinção são determinadas pelos funcionários preparados e informados a respeitoda documentação.

3.4 Metas do Arquivo

As metas do arquivo se definem pela sua própria função, ou seja, manter em bom estado os componentes do acervo, conforme o que segue:

* Certidões de óbitos de 1888 até 1968
* Documentos dos mais variados assuntos
* Jornais de 1851 até os dias atuais
* Revistas
* Livros raros
* Livros de indústrias e profissões de 1900...
tracking img