Relatorio de aula pratica: transporte de membrana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (2000 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ
INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE
FACULDADE DE FARMÁCIA


ÁDRIA K. S. CORRÊA
HELLEN C. O. SANTOS
ILLGNER BARRETO
KARINE MOREIRA GOMES
LUCAS RIBEIRO BRITO
SAMARA DE OLIVEIRA VILAÇA




RELATÓRIO DE AULA PRÁTICA DE FISIOLOGIA
TEMA: TRANSPORTE DE MEMBRANAS E LISE DE HEMÁCIAS






BELÉM – PARÁ
2012










RELATÓRIO DE AULAPRÁTICA DE FISIOLOGIA
TEMA: TRANSPORTE DE MEMBRANAS E LISE DE HEMÁCIAS
Relatório referente á primeira aula prática de Fisiologia, válido como requisito parcial para obtenção de nota na avaliação semestral do modo de Morfofisiologia.








BELÉM – PARÁ
2012
RESUMO
A aula prática teve o intuito de verificar areação das hemácias mediante aos níveis de concentração dos meios interno e externo, observando-se que as concentrações do meio externo influenciam o meio intracelular. Em um meio isotônico, as hemácias preservam sua estrutura, pois os meios estão igualados em sua tonicidade. Podemos notar isto na lâmina com solução I, o líquido incolor com as hemácias preservadas. Quando uma solução absorve água deoutra, ou seja, quando sua pressão osmótica é maior, ela é hipertônica. A lâmina com a solução II, a concentração de NaCl é menor, caracterizando a sua morfologia. E a lâmina com solução III, a concentração de NaCL é maior, ou seja, os níveis de soluto estão elevados em relação às hemácias, onde a tendência é sair mais água de dentro das células. Sendo assim, em uma solução hipertônica, a hemáciaperderá água e ficará enrugada, fenômeno chamado de crenação.
Palavras-chave: Hemácia, Concentração, Solução.

1 INTRODUÇÃO
As células constituem o corpo e o seu papel pode ser o mais variado para que o funcionamento deste seja eficiente. Para que isso ocorra, elas possuem desde tarefas simples até as mais especializadas dentro do organismo. A organização das células é de sumaimportância para que estas consigam exercer a sua função corretamente e as membranas são essenciais para esta organização, tanto na compartimentalização interna das células como no contato com as demais células.
Esses envoltórios devem ter características de isolar o interior da célula do meio externo e propiciar trocas de substâncias com este meio. Sem trocar substâncias com este meio externo acélula não pode se manter viva, pois precisa receber nutrientes e oxigênio e eliminar resíduos do seu metabolismo. Este envoltório é a membrana plasmática onde sua principal função é a de seletividade (barreira).
Denomina-se fluido intracelular (FIC) o líquido que está dentro das células. Possui em sua totalidade um caráter negativo e para balancear possui também elevadas concentrações depotássio (K+). Já o líquido que está do lado externo das células, chama-se fluido extracelular (FEC) e contém abundância do soluto de cátion de sódio (Na+). Essas concentrações precisam estar em homeostase (manutenção da estabilidade) para o bom funcionamento celular.
Durante a aula prática de Fisiologia observamos a lise de hemácias (rompimento) através da coleta a fresco de uma amostrasanguínea de uma aluna voluntária e assim preparar tubos de ensaios com soluções salinas diferentes (isotônicas, hipotônica e hipertônica) e o sangue coletado. O objetivo desta aula é analisar o comportamento celular em diferentes concentrações, o volume e a regulação dos líquidos corporais e principalmente como funcionam os transportes através da membrana.

2 MATERIAL E MÉTODOS
2.1 – MaterialUtilizado:
- Água
- Cloreto de sódio
- Kit de coleta de sangue (adaptador, agulhas, álcool, algodão, tubos com EDTA)
- Lâminas de microscopia
- Lamínulas
- Microscópio óptico
- Micropipeta
- Pipeta de vidro
- Ponteiras para micropipetas
- Sangue coletado
- Tubos de Ensaio
2.2 – Metodologia:
Ao início da aula, os...
tracking img