Relatorio coloides

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2255 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ENGENHARIA QUÍMICA

ESTUDO DOS COLÓIDES



Salvador, Bahia, Brasil.
2012
ESTUDO DOS COLÓIDES

Por

_____________________________
_____________________________
_____________________________
_____________________________


Salvador, Bahia, Brasil.
2012

FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

Coloides são misturas heterogêneas de pelo menos duas fases diferentes, coma matéria de uma das fasesna forma finamente dividida (solido, liquida ou gás), denominada fase dispersa ou simplesmente disperso, misturada a fasecontinua (solido, liquido ou gás), denominada meio de dispersão, ou simplesmente dispergente. Nesse sistema pelo menos um dos componentes da mistura apresenta uma dimensão no intervalo de 1 a 100 nanômetros (1nm= 10-9 m). O parâmetro de classificação dos coloides é os estadosfísicos do meio continuo e da fase dispersa. Assim, de uma forma geral, podemos classificá-los como: sol-disperso sólido e dispergente líquido, emulsão- disperso liquido e dispergente liquido, e aerossóis- dispersos solido liquido e dispergente gasoso. O sistema coloidal sol, pode ainda ser alterado para um sistema coloidal gel, ou vice-versa, através da operação de pectização (retirada dedispergente) e Peptização (adição de dispergente), respectivamente. 

Quanto ao aspecto dessas duas suspensões elas se diferem no ponto em que o sol apresenta-se na forma de uma solução liquida, gel apresenta-se com um aspecto solido. Este aspecto solido deve-se ao arranjo das moléculas de uma forma tridimensional atribuindo rigidez e elasticidade ao sistema. Existe ainda o sistema coloidal denominadoespuma, onde há a dispersão de um gás em um liquido, pois alem das bolhas enormes e visíveis são formadas também bolhas de dimensões coloidais. 

Por estes aspectos as espumas também podem ser classificadas como coloides. Os sistemas coloidais podem ser classificados ainda quanto à natureza das partículas do disperso em: micelar, molecular ou iônico, e quanto à afinidade entre o disperso e odispergente em coloides liófilos ou reversíveis (quando existe afinidade entre ambos) ou coloides liofóbos ou irreversíveis (quando nãohá afinidade entre ambos). Quando existe essa afinidade as partículas do disperso adsorvem as moléculas do dispergente ficando por uma película denominada camada de solvataçao, que permite que as partículas do disperso fiquem isoladas umas das outras e, com isso, épossível transformas o sistema coloidal em sol ou em gel.

A emulsão, dispersão coloidal de um liquido em outro, geralmente são estabilizadas por um terceiro componente, denominado tensoativo (emulsificante), que se localiza na interface entre as fases liquidas. As emulsões são instáveis termodinamicamente e, portanto, não se formam espontaneamente, sendo necessário fornecer energia para formá-lasatravés da agitação, de homegeneizadores, ou de processos de spray. Com o tempo as emulsões tendem a retornar para o estado estável, desta forma os emulsificadores funcionam como agentes que aumentam a estabilidade cinética das emulsões, tornando-as razoavelmente estáveis e homogêneas.
Os coloides podem ser purificados por meio da ultrafiltraçao, ultracentrifugaçao, diálise e eletrodialise. Adiálise baseia-se na remoção de impurezas através da diferença da velocidade com que ocorre a difusão, por meio de uma membrana permeável, das partículas que se deseja remover e das partículas coloidais. Como é um líquido que promove esse fluxo de arraste de partículas, pode-se dizer que as partículas coloidais são lavadas por um fluxo continuo que ocorre através da membrana permeável. Aeletrodialise difere-se da diálise somente no aspecto de que nesta a remoção ou arraste das impurezas é forçada por meio de um campo elétrico, logicamente ela só funciona se as impurezas tiverem caráter iônico.

OBJETIVOS
* Preparar soluções coloidais e estudar suas propriedades.


PARTE EXPERIMENTAL...
tracking img