Relativizando

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (416 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Nome: Alda Agnes Flor de Senda T.R.A – Laboral
A celebração do 1º de MaioO 1º de Maio, conhecido por dia mundial dos trabalhadores é comemorado por todos os trabalhadores,aproveitando para reivindicar os seus direitos. Durante o período colonial ate 1975, os trabalhadores moçambicanos estavão proibidos de celebrar o dia dos trabalhadores, durante este período. Com isso, houvemanifestações de trabalhadores moçambicanos contra o modo de relações laborais daquele período, em particular na cidade de Maputo, antiga Lourenço Marques. Este dia começa a ser celebrado anualmentedepois da independência do país. Com andar do tempo, com as mudanças políticas, sociais e económicas que o país sofreu nos anos 80 criou um grande crescimento do movimento sindical em Moçambique. Aprimeira instituição sindical no país foi a OTM – Organização dos Trabalhadores Moçambicanos que veio dar entrada a novos movimentos sindicais, cada vez mais especifico de acordo com o sector deactividade.
Neste dia os trabalhadores moçambicanos estão em homenagem aos moçambicanos que sacrificaram suas vidas na luta pela independência nacional e pela construção de uma sociedade de paz, harmonia etolerâncias no sentido de opiniões e opções de política. Neste ano o lema foi: sindicatos pelo emprego digno, salário justo, paz e justiça no trabalho. E no ano passado o lema foi: atraso no pagamentode salários, elevados custo de vida, a justa distribuição da riqueza nacional, a implantação efectiva dos tribunais de trabalho, a regulamentação do direito ao exercício sindical na função pública.De acordo com estes dois lemas de anos consecutivos, é de se notar que a maior insatisfação dos trabalhadores moçambicanos esta no salário.
A reivindicação no primeiro de Maio tem sido o salário,...
tracking img