Relatório

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1392 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ASSOCIAÇÃO TERESINENSE DE ENSINO S/C LTDA - ATE
FACULDADE SANTO AGOSTINHO – FSA
DISCIPLINA: QUÍMICA ORGÂNICA I
PROFESSOR: Dr. FRANCISCO DAS CHAGAS ALVES LIMA
CURSO: FARMÁCIA
TURMA: 20T2A

PROCURANDO À VITAMINA C

ALLANA RAVENAARON HASSAN
DENNISE CARVALHO
PAULA JULIANA
REGIMARA MARANHÃOREJANE SANTOS
RÔMULO RODRIGUES












Teresina
2010FACULDADE SANTO AGOSTINHO – FSA



PROCURANDO À VITAMINA C




Relatório como requisito para obtenção de nota parcial na disciplina Química Orgânica I do Curso de Farmácia da Faculdade Santo Agostinho – FSA, sob a orientação do Profº Dr. Francisco das Chagas Alves Lima.


Teresina
2010

RESUMO


Realizou-se um experimento no Laboratório de Química da Faculdade SantoAgostinho observando, à vitamina C em alguns sucos do nosso cotidiano e no amido, onde os resultados foram satisfatórios de acordo com a literatura.
Na qual o suco de acerola foi o que mais obteve vitamina C, pois consumiu o maior número de gotas de iodo.

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO..................................................................................................04

MATERIAIS EREAGENTES............................................................................05

PROCEDIMENTO.............................................................................................06

RESULTADOS E DISCUSSÃO........................................................................07CONCLUSÃO...................................................................................................09

REFERÊNCIAS................................................................................................10

ANEXOS...........................................................................................................11




























INTRODUÇÃO

Há 70 anos, foi realizada a primeira síntese em laboratóriode uma vitamina. Essa vitamina, o ácido ascórbico, teve uma importância indiscutível na sociedade antes e depois da elucidação de sua estrutura química e de sua preparação em laboratório.
Os mamíferos necessitam de vitamina C para a formação adequada do tecido conjuntivo, como o colágeno. As fibras resistentes dessa proteína mantêm juntos os tecidos da pele, músculos, vasos sangüíneos, tecidos emcicatrização e outras estruturas corpóreas. O homem, o macaco, a cobaia, alguns pássaros e alguns peixes, diferentemente da maioria dos animais, não sintetizam a vitamina C, por não possuírem a enzima gulonolactona oxidase, envolvida na biossíntese do ácido L-ascórbico a partir de D-glicose, sendo a mesma obtida através da ingestão dos alimentos (Lehninger et al., 1993).
Quando a alimentaçãohumana é deficiente em vitamina C, pode ocorrer a síntese defeituosa do tecido colagenoso e o desenvolvimento da doença conhecida como escorbuto (Snyder, 1995).
O nome químico da vitamina C, ácido ascórbico, representa duas de suas propriedades: uma química e outra biológica. Em relação à primeira propriedade, a vitamina é um ácido, embora não pertença à classe dos ácidos carboxílicos. Sua...
tracking img