Relatório visita tecnica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1072 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA
CENTRO DE CIÊNCIAS APLICADAS E EDUCAÇÃO
LITORAL NORTE – CAMPUX IV
DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS

Relatório Visita Técnica

Nome:
Disciplina: Arquivo e Documentação
Professora:
Local: João Pessoa
Data: 18/01/2011

Relatório sobre a visita ao Espaço Cultural

No dia 14 de janeiro de 2011, nós alunos do V período do curso de SecretariadoBilíngüe da Universidade Federal da Paraíba, fizemos uma visita ao Espaço Cultural José Lins do Rêgo em João Pessoa, para conhecermos as dependências do Espaço Cultural e ficarmos informados sobre os arquivos e documentações existentes no local.
A importância maior da visita se deve à prática cotidiana de como são conservados os arquivos e as documentações existentes, práticas estas, essenciaispara a conservação da documentação histórica e fundamental para o curso de Secretariado Executivo Bilíngüe.
Ao chegarmos ao Espaço Cultural às 09h45min da manhã fomos ao Arquivo Histórico Valdemar Duarte que foi inaugurado no dia 2 de junho de 1987 pelo Governador Tarcísio Burity e idealizado pelo jornalista e escritor Valdemar Duarte. Durante a visita fomos recepcionados pelo guia JoãoPedro que trabalha no Arquivo Histórico Valdemar Duarte desde 1987, quando foi inaugurado. Seu João Pedro nos apresentou documentos importantes do período Colonial, Imperial e da República. Vimos fotos de ruas antigas, a Praça das Mercês, o Ponto Cem Reis, onde ele nos contou a história que deu origem ao nome Ponto Cem Reis. Vimos também fotos do Parque Solon de Lucena e conhecemos a história daorigem da Lagoa, que começou com um olho d’água em 1928, posteriormente, por volta de 1934, transformou-se numa Lagoa, e hoje é um dos cartões postais da cidade de João Pessoa.
Durante a visita conhecemos também arquivos como documentos e correspondências de 1777-1927, onde pudemos constatar a forma correta de se preservar documentos como: o uso de papel manteiga (para proteger a documentação),o aparelho para controlar a temperatura do ambiente onde ficam armazenados os documentos e os armários apropriados para o arquivamento desses documentos, que visam proteger e economizar espaços. Conhecemos também documentos manuscritos do século XVIII ao século XIX do período colonial de 1771 a 1822 como: Cartas do Imperador D. Pedro I, jornais publicados desde 1912 até os dias atuais, edocumentos que registram a criação de instituições, bairros e demarcações indígenas do Estado. O guia nos informou que a maior dificuldade que eles encontram para preservar essas documentações é a falta de apoio dos governantes que não valorizam esse trabalho.
Visitamos também a Biblioteca Juarez da Gama Batista que tem esse nome em homenagem ao escritor pessoense que foi integrante da AcademiaParaibana de Letras e deixou uma vasta e importante produção literária.
Na visita que fizemos à Biblioteca fomos assessorados por uma guia que nos informou que a biblioteca foi fundada em 1857 e ocupava uma sala da escola Lyceu Paraibano, sendo denominada Biblioteca Pública da Paraíba, e em 1822 por ordem do Governador Tarcísio Burity, passou a funcionar no Espaço Cultural.
Fomosinformados pela guia que o principal objetivo da Biblioteca Juarez Gama Batista é atuar como instituição popular e democrática de educação, cultura, informação e recreação. Possui amplo espaço dotado de 36 cabines individuais e para pequenos grupos. Hoje é a maior Biblioteca Pública da Paraíba, com um acervo de quase 100 mil livros considerado um dos melhores do Nordeste. A Biblioteca passou por umareforma que possibilita o atendimento diário de 300 usuários.
Juarez da Gama Batista nasceu em 04 de fevereiro de 1927 na capital do Estado da Paraíba e faleceu nesta mesma cidade em 11 de fevereiro de 1981. Formou-se em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito do Recife em 1951. Neste mesmo ano dirigiu o Jornal A União. Em 1957, dirigiu o Jornal Correio da Paraíba e, em 1960...
tracking img