Relatório: trajetória do serviço social e perspectivas de desenvolvimento até a década de 1970

Páginas: 9 (2184 palavras) Publicado: 11 de novembro de 2011
DESAFIO DE APRENDIZAGEM

Relatório: Trajetória do Serviço Social e perspectivas de desenvolvimento até a década de 1970

Segundo pesquisas realizadas pelo grupo, pode-se perceber que o surgimento do Serviço Social deu-se por conta das desigualdades social, econômica e cultural existentes no século XIX. Para Netto (1992), o serviço social surge com a necessidade de mudanças por conta da‘questão social’, com o aparecimento de classes sociais, surgindo o antagonismo entre o capital e o trabalho. Ele acredita que não somente esta profissão surgiu com as ‘questões sociais’, mas também especificamente ao momento histórico do capitalismo, que é a idade do monopólio.
A expressão Serviço Social é de origem anglo-saxônica e foi nos EUA que ela foi utilizada pela primeira vez, em1904, para designar uma escola em Boston para profissionais que atuavam com assistência social. Na época, o conceito tinha forte ligação com práticas benemerentes, ou seja, dignas de aplausos.
A história do Serviço Social ela está ligada a fatos históricos, no contexto geral da sociedade, isto é, a história dos processos econômicos, das classes e das próprias ciências sociais. A primeiraproposta de prática para o Serviço Social surgiu no século XIX, criada pela Sociedade de Organização da Caridade, buscando a racionalização da assistência e a reorganização da mesma em bases científicas.
Segundo Martinelli, na primeira metade do século XIX, sob os impactos da Revolução Industrial foi que os efeitos do serviço social começaram a penetrar mais fundo no contexto social. Ocapitalismo entra com a geração do mundo da cisão, da exploração da maioria pela minoria, em um mundo em que a luta de classes se transforma na luta pela vida, pela superação da sociedade burguesa.
O campo de investimento do capital era definido pela oferta de trabalho principalmente, e também pela reserva de mão-de-obra disponível, o que pressupunha a existência de um grande numero de trabalhadoresà disposição da expansão do capital. Então, a liberdade religiosa e de trabalho eram acima de tudo estratégias para fortalecer o tráfico mercantil que caracteriza o modo de produção capitalista. Com o discurso da igualdade de todos, ocultava-se tanto a desigualdade das classes que era profunda, como a real intenção de promover a livre circulação do trabalhador. A gravidade de tal situação,realidade dramática do capitalismo, constituía um grande motivo de preocupação dos trabalhadores fabris urbanos ingleses.
Em 15 de maio de 1891, o Papa Leão XIII publicou a Encíclica "Rerum Novarum", apresentando ao mundo católico os fundamentos e as diretrizes da Doutrina Social da Igreja. Era a primeira Encíclica Social já escrita por um Papa e, arcava o posicionamento da Igreja frente aosGraves problemas sociais que dominavam as sociedades européias. Para os assistentes sociais europeus, a Encíclica publicada naquele dia 15 de maio, trazia um conteúdo muito especial. Atônitos frente à complexidade dos problemas existentes e teoricamente fragilizados em conseqüência de sua formação ainda bastante precária, aqueles profissionais assumiam o documento e os ensinamentos ali contidos, comobase fundamental de seu trabalho. E desse modo se aproximavam cada vez mais da Igreja Católica européia que, por sua vez, assumia progressivamente a sua liderança sobre o enfoque das práticas sociais daqueles profissionais. Mesmo com a idéia de caridade, a prática da assistência tinha também a intenção de controlar a pobreza, perpetuar a servidão. A Igreja Católica aos poucos foi deixando de ladoos pobres e se aliando aos burgueses, interessando-se somente nos capitais financeiros, vendendo até mesmo o perdão. Foi ai que Lutero, um importante protestante, apresentou 95 contestações às indulgências e ao perdão. Essa fase foi muito importante para a criação da Reforma Religiosa, na qual a Igreja foi dividida em catolicismo e protestantismo. Lutero queria que fossem mantidas a caridade e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Trajetória da politica social e do serviço social na década de 1980
  • Trajetória de profissionalização do serviço social; perspectiva européia e americana.
  • Trajetória de profissionalização do serviço social perspectiva européia
  • o desenvolvimento do serviço social nas decadas de 60 a 80
  • POLÍTICAS SOCIAS E DESENVOLVIMENTO DO SERVIÇO SOCIAL TRAJETÓRIA BRASILEIRA
  • A trajetória do serviço social no brasil
  • Trajetória do serviço social
  • A trajetória do serviço social no brasil

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!