Relatório do teste de conservação de quantidades descontínuas de líquido

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1028 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
1- Introdução
Este relatório tem como objetivo principal descrever a experiência do grupo na aplicação do exame de conservação de quantidade de líquido, na qual foi uma atividade prática para um aprofundamento das teorias piagetianas estudadas na disciplina de psicologia do ensino e da aprendizagem.
O teste de conservação de quantidades descontínuas de líquidos consiste em estabelecer umarelação entre a mesma quantidade de líquidos em recipientes de formatos diferentes, no qual podemos verificar o nível do estágio cognitivo das crianças. Piaget estabelece estágios de desenvolvimento cognitivo de acordo com a maturação da criança, são eles: sensório-motor, pré-operatório, operatório concreto e concreto. Dentre estes, destacamos o pré-operatório que consiste no início da linguagem, dafunção simbólica, do pensamento ou representação, na qual não há conservação.
Realizamos a experiência com crianças na faixa etária de 5 a 7 anos, pois, segundo Piaget, é nesta faixa etária que as crianças encontram-se no estágio pré-operatório. Ressaltamos que entre todas as crianças observadas escolhemos para relatar a experiência com Pedro (5 anos), por este ter conseguido justificar as suasrespostas, e José (6 anos) para fazermos uma análise comparativa entre as respostas.

2 – Relatório
Primeira criança - respostas e reações:
Inicialmente colocamos dois recipientes iguais, tanto no formato quanto na quantidade de líquido, diante da criança. Nomeamos os recipientes de copo x e copo y. (Figura 1)

Pedro 5 anos

Em seguida lhe perguntamos se a quantidadede líquido era a mesma nos dois recipientes, para testar a sua capacidade perceptível de quantidade. Pedro analisou os dois copos e respondeu que sim, logo o mesmo consegue compreender a relação quantitativa.
Prosseguindo com o exame fizemos uma transformação do copo x para dois copos de comprimento menores, porém conservando a mesma quantidade do líquido. (Figura 2)

Diante desta novasituação questionamos se os recipientes menores tinha mais quantidade ou menos quantidade com relação ao copo y. Ele respondeu que o copo y tinha mais. Pedimos que justificasse a sua resposta e o seu argumento foi que o copo y era maior de comprimento.
No terceiro momento propomos uma nova mudança, passamos o líquido dos dois recipientes menores para um único recipiente, no entanto o novo recipiente temum formato maior do que o copo y. (Figura 3)

E voltamos a questioná-lo se a quantidade de líquido do novo recipiente era mais, menos ou igual ao copo y. Ao observar o recipiente maior Pedro respondeu com segurança que o recipiente maior tinha mais quantidade e justificou a sua resposta dizendo novamente que ele tinha mais por ser maior de comprimento.
Segunda criança – respostas e reações:
Nasegunda experiência, outro examinador mostrou a criança dois recipientes iguais no formato (copo 1 e copo 2) e afirmou para ele que aqueles recipientes tinham as mesmas quantidades de líquidos.

José 6 anos
Para verificar a percepção quantitativa de José o examinador perguntou se nos dois recipientes tinham a mesma quantidade de líquido, ele respondeu que não. Então o examinador questionounovamente, ele continuou respondendo que não, O examinador pediu a José que observasse os dois recipientes de novo, assim diante da insistência do examinador o menino mudou de opinião.
Na transformação, o examinador passou o líquido do copo 1 para outro copo maior (copo 1m), o nível do líquido do copo 1m ficou menor do que o copo 2, mas a quantidade permaneceu a mesma.

O examinador lhe perguntouse o copo 1m continuava com a mesma quantidade de líquido ou se naquele momento ele tinha mais ou menos com relação ao copo 2. José negou a conservação de quantidade dizendo: o copo 2 permanecia igual ao copo 1, no entanto o copo 1m não. Logo o examinador explicou o processo da transformação e pediu que justificasse sua resposta, ao invés de justificar a resposta José mudou de opinião...
tracking img