Relacoes BrasilXChina

Páginas: 6 (1264 palavras) Publicado: 2 de outubro de 2013

Danielly Becard busca salientar em seu trabalho, os resultados alcançados e os desafios que ainda perduram das relações bilaterais entre o Brasil e a República Popular da China (RPC) nas últimas duas décadas, dividindo-a em três fases iniciais, que vão do ano de 1949 ao ano de 1993, e duas fases pósteras, perdurando até os dias atuais.
Na primeira fase, tida como embrionária, é levado emconta desde o momento da fundação da RPC até o reconhecimento diplomático entre o Brasil e a mesma, acordado em 1974. Essa fase é marcada por grandes objetivos de ambas as partes. A China buscava uma política de libertação nacional enquanto o Brasil estava preocupado em estender sua lista de parceiros comerciais para aumentar seu prestígio internacional. Esta fase inicial é marcada pela visita dovice-presidente João Goulart à RPC (1961), cujo contexto interno era de desentendimento com a URSS e os EUA (crítica ao contexto bipolar da Guerra Fria) e busca por maior aproximação dos países desenvolvidos da Europa Ocidental e em desenvolvimento da América Latina e África. Do outro lado, para o Brasil também era interessante essa aproximação, pois “desacordos ideológicos não deveriam impedir que opaís mantivesse relações com todos os povos” (BECARD, p.32). O ano de 1964 é marcado pelo afastamento da Política Externa Independente (PEI) e ao alinhamento automático aos Estados Unidos devido ao golpe de Estado e implementação da ditadura militar, logo se fechando para as relações com a China, enquanto esta adota cada vez mais uma diplomacia estratégica, voltando no ano de 1971 a ocupar oassento permanente no Conselho de Segurança das Nações Unidas.
A segunda fase, quando se fixam as bases da relação sino-brasileira, vai do ano de 1974 aos anos 90, e é caracterizada pelo pragmatismo responsável do governo Geisel (1974-1979), que buscava afirmar uma presença mais autônoma e aumentar a projeção do Brasil internacionalmente. Logo no primeiro ano de mandato ele restabelece as relaçõesdiplomáticas com a China, porém ambos os países possuíam carência de recursos para implementar uma relação de cooperação, e ainda, políticas internas instáveis.
Apesar do acordo comercial assinado em 1978, o aumento das relações era lento e gradativo, ganhando força no início da década de 80, quando os países já se encontravam mais organizados internamente. Neste momento, ambos os países estavaminteressados na relação Sul-Sul. Esta fase é marcada pelas primeiras visitas de chefes de Governos oficiais à China (João Figueiredo em 1984 e José Sarney em 1988) e põe fim ao ciclo embrionário, dando início ao ciclo, segundo Becard, de cooperação efetiva. Neste momento eram encontradas dificuldades em ambas as partes. Brasil: alto preço dos transportes, infraestrutura precária e produtos poucocompetitivos, enquanto a China repreendia os movimentos democráticos, afastando suas relações e sentia a desintegração da antiga União Soviética, o que a isola por certo tempo do sistema internacional.
A terceira fase é caracterizada por crises e novos desafios, tendo como marco o fim da Guerra Fria e perdurando-se por três anos (1990-1993). Neste contexto a China buscava novos mercados na AméricaLatina, utilizando-se de políticas governamentais e não-governamentais para restabelecer contato, enquanto o Brasil durante o governo Collor de Mello buscava o diálogo com os países desenvolvidos. Ademais:
No campo comercial, dentre as razões que também pesaram negativamente na corrente sino-brasileira, encontravam-se: a aproximação crescente entre China e parceiros competitivos da regiãoasiática, como Coréia do Sul, Japão e Hong Kong; a contenção das compras chinesas devido a ajustes no programa de reforma econômica do país; a substituição de produtos siderúrgicos brasileiros por produção chinesa; a necessidade de diminuir deficits chineses com o Brasil como condição para aumentar a corrente comercial; o preço pouco competitivo do petróleo chinês, até então importado pelo Brasil; a...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Brasilxchina
  • relações
  • relacoes
  • Relaçoes
  • relaçoes
  • relações
  • relaçoes
  • relaçoes

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!