Relacao comercial brasil china

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 92 (22923 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA – UFSC CENTRO SÓCIO-ECONÔMICO - CSE DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS

ANDRE DE MACEDO TUSCO

RELAÇÕES COMERCIAIS ENTRE BRASIL E CHINA

FLORIANÓPOLIS, 2010

ANDRE DE MACEDO TUSCO

RELAÇÕES COMERCIAIS ENTRE BRASIL E CHINA

Monografia submetida ao curso de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Santa Catarina, como requisito obrigatóriopara a obtenção do grau de Bacharelado.

Orientador: Helton Ricardo Ouriques

FLORIANÓPOLIS, 2010

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CURSO DE GRADUAÇÃO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS

ANDRE DE MACEDO TUSCO

RELAÇÕES COMERCIAIS ENTRE BRASIL E CHINA

Monografia apresentada como requisito obrigatório para a obtenção do grau de Bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade Federal deSanta Catarina – UFSC. Área de concentração: Economia

Data de aprovação: __/__/__

A Banca Examinadora resolveu atribuir a nota ______ ao aluno Andre de Macedo Tusco na disciplina CNM 5420 - Monografia, pela apresentação deste trabalho.

Banca Examinadora:

_____________________________ Professor: Helton Ricardo Ouriques Orientador

_____________________________ Professor: Hoyêdo NunesLins Membro

_____________________________ Professor: Antônio Manoel Elíbio Membro

AGRADECIMENTOS
Primeiramente, agradeço à minha família por construir uma base sólida para o meu desenvolvimento, estrutura essencial para minha evolução em todos os aspectos da minha vida, seja pessoal ou profissional. À minha mãe, por ser meu porto seguro, onde encontro conforto para superar as situações maiscomplicadas impostas pela vida. Ao meu pai, por todo seu esforço para poder me proporcionar bons momentos e me direcionar para os melhores caminhos. Ao meu irmão, pela amizade eterna que nos une independentemente da distancia que nos separe. Agradeço também a uma pessoa em especial: Luiza Cucco, por todo amor, carinho e compreensão nos momentos mais difíceis. Aos amigos de infância e de faculdade,colegas de trabalho também ficam meus agradecimentos, pois as alegrias proporcionadas pelas amizades são essenciais para a vida. Por fim, agradeço ao Prof. Helton Ricardo Ouriques, por despertar meu interesse na área de economia política internacional, e principalmente por todo o conhecimento, dedicação, exigências e correções acadêmicas, essenciais para a elaboração desta monografia.

RESUMOEste estudo investiga o impacto do reordenamento do eixo econômico mundial no Brasil e as perspectivas para a economia brasileira em decorrência dessa possível substituição do país hegemônico atual do sistema mundo, Estados Unidos, pela China. Com base nos fatores que causaram a crescente perda da hegemonia norte-americana e os quais ainda influenciam seu fracasso e nas estratégias que foram eestão sendo adotadas pelo Estado chinês, desde a metade do século XX, que proporcionam uma grande ascensão pacífica econômica no país asiático. Para tanto foram abordadas teorias de diversos estudiosos na área de economia política internacional, como David Harvey, Giovanni Arrighi, Immanuel Wallerstein, Robert Brenner, entre outros. Na pesquisa também foram utilizados dados da Secretaria deComércio Exterior para mapear as relações comerciais do Brasil com os países em questão. Verificou-se que a China além de substituir os Estados Unidos como o maior parceiro comercial do Brasil, se tornou uma potência econômica com possibilidades de ser um país hegemônico durante o século XXI, desde que resolva seus problemas internos e saiba tomar as atitudes corretas ao enfrentar possíveis obstáculos nocenário político mundial. Para a economia brasileira a possibilidade de a China dar as cartas no sistema econômico mundial pode ser benéfica, pois historicamente as relações sino-brasileiras são de parceria comercial e política. Palavras-chave: País hegemônico; China; Relações comerciais brasileiras; Sistema-mundo.

ABSTRACT

This study investigates the impact of the reordering of global...
tracking img