Relações de consumo e a construção a image política de lula

Páginas: 21 (5002 palavras) Publicado: 17 de outubro de 2011
Relações de Consumo e a Construção da Imagem Política de Lula[1]

Resumo
Este artigo pretende a partir de uma análise do consumo e das relações de consumo eminentes na atual era da sociedade de consumo, compreender as relações humanas baseadas no consumo, as teorias críticas a esse respeito e os problematizar as conseqüências dessa forma de relacionamento para a política nacional.Para isso será feito o estudo da teoria de Bauman, entre outros autores preocupados com essa questão e uma comparação com a construção gradual culminada com a imagem política do presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva na campanha de 2002. Os estudos buscam também compreender qual a relação dessas imagens desenvolvidas com seus consumidores, ou no caso, eleitores.

Palavras-chave:Consumo, Imagem, Política, Marketing, Relações Humanas

Introdução
Considerando o consumo como o conjunto de processos socioculturais nos quais se realizam a apropriação e os usos dos produtos, este artigo tem por proposta uma análise das resultantes relações humanas, nesse processo de cada vez mais transformação de toda e qualquer relação em uma relação semelhante à relação doconsumo.
Dessas relações de consumo, resultam todos os processos humanos existentes em uma sociedade e este artigo pretende discorrer sobre as relações políticas entre candidatos e eleitores, mais especificamente sobre a construção da imagem comprada pelos eleitores. Para isso será analisada a mudança de imagem do então candidato Luiz Inácio Lula da Silva, atual presidente do país.
Pararealizar este estudo sobre consumo, relacionamento humano e política, o conceito primeiro de consumo utilizado é "o conjunto de processos socioculturais nos quais se realizam a apropriação e os usos dos produtos" (Canclini, 1999, p. 77). Mas existem inúmeras questões no mundo atual que faz com que esse conceito de consumo passe por novas interpretações e percepções que demonstram suacomplexidade. As transações mercadológicas freqüentes para as grandes corporações, o avanço dos meios de comunicação de massa e o uso das organizações desses meios, para elaboração de propagandas que convencem o consumidor, incutem em seus consumidores novos conceitos de necessidades, alteram a formatação do significado de realização pessoal e também toda a forma de relacionamento humano da sociedade atual.Essas e muitas outras questões, freqüentes no dia a dia da nossa civilização globalizada, obrigou a muitas áreas do conhecimento social e humano a pesquisar os novos modos de consumo e as relações humanas emergentes dessa chamada “Sociedade do Consumo”. Para Habermas, quando se fala dessa tal sociedade, o Estado Capitalista é responsável por garantir que tudo termine em ações de compra e venda.De acordo com Baudrillard, as relações modernas são estabelecidas de acordo a relação objete e sujeito. Ele ainda fala que cada vez mais é dada importância à esses objetos. Porém ao desconsiderar o processo de construção dessa ideologia do consumo, não destaca essa responsabilidade de representações na mentalidade coletiva. Pensar nessa nova ordem é pensar no avanço do consumo, trazendo comesse avanço um crescimento no plano simbólico, das necessidades de consumo, despertando mais e mais as necessidades na vida das pessoas. As mídias são essenciais para esse avanço do campo simbólico, estimulando mercadorias como objetos de consumo.
É preciso que fique claramente estabelecido desde o início que o consumo é um modo ativo de relação (não apenas com os objetos,mas com a coletividade e com o mundo), um modo de atividade sistemática e de resposta global no qual se funda nosso sistema cultural” (BAUDRILLARD, 1993, p. 206). 

Outro ponto importante deste estudo é a observação da importância do impacto dos veículos de comunicação em massa em uma população. Em Teorias da comunicação em massa, Melvin DeFleur define que “a comunicação humana é um...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Politica nacional e relações de consumo
  • Relações de Consumo
  • relaçoes consumo
  • Relações de consumo
  • relações de consumo
  • Relações de Consumo
  • Relações de consumo
  • relações de consumo

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!