Regionalidade nordeste

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6619 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 INTRODUÇÃO

A simples menção da palavra Nordeste traz à mente uma série de imagens. São imagens textuais, visuais, sonoras, olfativas e gustativas. É a identidade nordestina. Embora elas sejam tidas como um retrato da região, esse trabalho que apresentamos busca os processos através dos quais, essa identidade é formada, desde sua geografia, história, cultura, revoltas, grupos étnicos àgastronomia e, através deles é possível verificar que identidade não é descrição da natureza de algo, mas a construção dessa descrição.














2 REGIÃO NORDESTE DO BRASIL

A região Nordeste é uma região do Brasil com 1.558.196 Km2 de área e 51.609.027 habitantes. A região Nordeste é curiosamente um pouco maior que o estado do Amazonas, com 1.558.196 km2, contra1.570.745,680 km2 do estado do Amazonas e é a terceira região em área.
É a região brasileira que possui a maior quantidade de estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe.
[pic]
Brasil



2.1 HISTÓRIA


O Nordeste foi primordialmente habitado pelos homens da Pré-História, posteriormente pelosíndios, que antes da colonização, realizavam trocas comerciais com europeus, na forma de extração do pau-brasil em troca de outros ítens. Mas foi durante o período de colonização que eles foram sendo incorporados ao domínio europeu ou eliminados, devido as constantes "batalhas" contra os senhores de engenhos.
A região foi o palco do descobrimento durante o século XVI. Portugueses chegaram emuma expedição no dia 22 de abril de 1500, liderados por Pedro Álvares Cabral, na atual cidade de Porto Seguro, no estado da Bahia.
Foi no litoral nordestino que se deu início a primeira atividade econômica do país, a extração do pau-brasil. Países como a França, que não concordavam com o Tratado de Tordesilhas, realizavam constantes ataques ao litoral com o objetivo de contrabandear madeirapara a Europa.
Entre 1630 e 1654, a região foi dominada por neerlandeses1e foi uma colônia da República das Sete Províncias Unidas dos Países Baixos (Holanda contemporânea), sendo chamada de Nova Holanda.
Durante o período colonial, no século XVI, a resistência quilombola se iniciou no Brasil, com a fuga de escravos para o Quilombo dos Palmares, na região da serra da Barriga, atualterritório de Alagoas, nos vários mocambos palmarinos chegaram a reunir-se mais de 20 mil pessoas. Mas somente em 1694 é que o Macaco, "capital" de Palmares, foi finalmente tomado e destruído, depois de intensa perseguição, Zumbi dos Palmares foi finalmente capturado e teve sua cabeça degolada e exposta em praça pública em Recife.
A cidade de Salvador foi a primeira sede do governo-geralno Brasil, pois estava, estrategicamente, localizada em um ponto médio do litoral. O governo-geral foi uma tentativa de centralização do poder para auxiliar as capitanias, que estavam passando por um momento de crise. A atividade açucareira é até hoje a principal atividade agrícola da região.






________________________________
1- neerlandeses - formam o grupo étnico predominante nosPaíses Baixos. São geralmente vistos como um povo germânico.
Devido a enorme desigualdade de renda à grande concentração fundiária e ao problema da seca no sertão nordestino (agravado pela chamada “ indústria da seca”, que beneficia políticos e latifundiários em detrimento das massas), o nordeste foi durante muito tempo especialmente na segunda metade do século XX uma região de forte repulsãopopulacional.
Devido à grande oferta de empregos em outras regiões do Brasil, a migração nordestina tem sido destaque na dinâmica populacional brasileira. O falso ideal imaginário que se formou em relação à de uma qualidade de vida melhor, de fácil oportunidade de emprego, salários mais altos, entre outros; iludido por este sonho quando um nordestino migra em busca de uma melhoria na...
tracking img