Regime militar no brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 59 (14653 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O Regime militar no Brasil se deu com um golpe (há divergências, o senso comum indica 31 de março de 1964), tendo assumido o poder o Marechal Castelo Branco, resultando no afastamento de sua função o chefe de governo de jure e de facto João Goulart (também conhecido como Jango). O golpe de estado, qualificado por personagens afinados como uma Revolução instituiu uma ditadura militar, que durouaté a eleição de Tancredo Neves em 1985. Os militares então justificaram o golpe, que eclodiu cinco anos após o alinhamento cubano à União Soviética, governado por Nikita Khruschov, sob alegação dos setores entrosados ao movimento de ameaça comunista afirmando ter eclodido no caso uma contrarrevolução, fortemente contestada principalmente pela historiografia marxista.[1][2]
Mas internamente, o golpede Estado marcou a influência política do Exército Brasileiro e sua determinação em tomar o poder do país ao abrigo de uma doutrina de segurança nacional formado no âmbito da política do comércio exterior americano e de outras países influentes como a França. O intervencionismo militar no Brasil remonta ao Império (1822-1889), mas, segundo estudiosos é a primeira vez no Brasil, mas também naAmérica Latina que o militar está adquirindo poder afirmando abertamente a doutrina da segurança nacional.[3][4]
Entre as figuras históricas civis afinadas com o movimento militar, os governadores Magalhães Pinto (Minas Gerais), Adhemar de Barros (São Paulo) e Carlos Lacerda (Guanabara, atual Estado do Rio de Janeiro).
A ditadura pôs em prática vários Atos Institucionais, culminando com o AI-5 de1968 a suspensão da Constituição de 1946, a dissolução do Congresso Brasileiro, a supressão de liberdades individuais e a criação de um código de processo penal militar que permite que o Exército brasileiro e a polícia militar do Brasil possa prender e encarcerar pessoas consideradas "suspeitas", além de qualquer revisão judicial. [5] O regime militar durou até a eleição de um civil Tancredo Neves em1985.

A economia pré-1964

[pic]Ver artigo principal: Economia do Brasil
Os estudiosos da economia brasileira estudam a economia pós-Guerra em dois períodos(o primeiro durante de 1947 a 1963 e o segundo de 1964 até os dias atuais).[6]
Até 1964 consistiu na substituição das importações, para estimular a economia doméstica, continuada mesmo com o revezamento de presidentes.[6]
Os AnosJK, por exemplo, deram ampla atenção aos problemas urbanos, como o setor industrial em detrimento ao rural.[6]
Segundo Roger W. Fox, do período de 1961 à 1963, houve problemas como escassez de alimentos, aumentando o preços dos alimentos, trazendo hiperinflação e trazendo a atenção do governo brasileiro ao setor agrícola.[6]
Esse conjunto de fatores influenciou de forma considerável àimplantação do posterior regime militar.[6]

[editar] A política pré-1964

Em 25 de agosto de 1961, o presidente Jânio Quadros pediu renuncia do cargo. O vice- presidente João Goulart se encontrava de viagem à China comunista. Assume a presidência o deputado Ranieri Mazzilli, presidente da Câmara dos Deputados. Os militares só aceitam a posse de João Goulart, depois de implantado o parlamentarismo noBrasil. João Goulart assume o poder em 7 de setembro de 1961. Em plebiscito realizado em janeiro de 1963, o regime volta a ser presidencialista, aumentando o poder do presidente João Goulart.
Há confrontos abertos entre esquerda e direita no Brasil. No nordeste do Brasil, Francisco Julião organiza lutas camponesas, as Ligas Camponesas, O governador Miguel Arraes de Pernambuco, tido como comunista,[carece de fontes?] apóia manifestações de estudantes. João Goulart apóia a sindicalização de sargentos e é acusado pelos militares de promover a quebra da hierarquia e disciplina nas forças armadas.[carece de fontes?]
De 28 a 30 de março de 1963, realizou-se em Niterói, na sede do Sindicato dos Operários Navais, um Congresso Continental de Solidariedade a Cuba, com a participação de...
tracking img