Regencia e linguagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1097 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
22/08/2012

Regência
É a relação sintática que se estabelece entre um termo regente ou subordinante (que exige outro) e o termo regido ou subordinado (termo regido pelo primeiro) A regência pode ser: verbal ou nominal.

Prof. Fernando Lira

Quando o termo regente é um verbo a regência é verbal, quando é um nome, a regência é nominal.

Regência nominal
O conhecimento da regência correta de cadaverbo e de cada nome é função do uso. Dessa forma cada falante conhece a regência dos verbos e dos nomes que fazem parte de seu repertório usual. Pode ocorrer que o falante desconheça certas regências da norma padrão pelo fato delas não ocorrerem no uso popular.

A regência nominal estuda os casos em que nomes (substantivos, adjetivos e advérbios) exigem uma outra palavra para completar-lhes osentido. Em geral a relação entre um nome e o seu complemento é estabelecida por uma preposição.

1

22/08/2012

Alguns nomes e as preposições que mais comumente eles exigem
 adepto a  alheio a  ansioso para, por, de  apto a, para  aversão a, por  feliz de, por, em, com  favorável a  imune a, de  contente com, por, de  indiferente a  inofensivo a, para  junto a, de, com  próximo a, de referente a  simpatia a, por  tendência a, para  paralelo a  relativo a

Mais nomes e as preposições que comumente eles exigem
acessível, adequado, desfavorável, equivalente, insensível,
obediente - a  capaz, incapaz, digno, indigno, passível, contemporâneo - de

 amoroso, compatível, cruel, cuidadoso, descontente - com  entendido, indeciso, lento, morador, hábil - em  inútil, incapaz, bom- para

responsável - por

Regência verbal
A regência verbal estuda a relação que se estabelece entre o verbo (termo regente) e seu complemento (termo regido).
Ex.: Isto pertence a todos.

Agradar
a) No sentido de fazer carinho, é transitivo direto. Ex.: A mulher agradava o filhinho. V.T.D objeto direto
b) No sentido de contentar, satisfazer, é transitivo indireto (exige objeto indireto com apreposição a). Ex.: O desempenho do time agradou ao técnico. V.T.I objeto indireto

termo regente termo regido

2

22/08/2012

Aspirar
a) No sentido de respirar, sorver (perfume, ar), é transitivo direto. Ex.: Ele aspirou um gás venenoso. V.T.D objeto direto b) No sentido de pretender/ desejar, é transitivo indireto (exige objeto indireto com a preposição a). Ex.: Os jovens aspiram ao sucessoprofissional. V.T.I objeto indireto Observação: O verbo aspirar não aceita os pronomes lhe, lhes como objeto indireto, por isso você deve substituí-los por a ele, a ela, a eles, a elas.

Assistir
a) No sentido de ver, é transitivo indireto (exige objeto indireto com a preposição a). Ex.: Todos assistiram ao jogo da seleção. V.T.I objeto indireto Observação: Usado nesse sentido, assistir não aceita lhe,lhes, como objeto indireto; por isso, quando necessário, você deverá trocá-lo por a ele, a ela, a eles, a elas. Ex.: Você assistiu ao jogo? Sim, eu assisti a ele.

Esquecer e lembrar
b) No sentido de prestar assistência/ajudar, é transitivo direto. Ex.: A enfermeira assistia os acidentados. V.T.D objeto direto c) No sentido de pertencer/caber, é transitivo indireto (exige objeto indireto com apreposição a). Ex.: O direito de criticar assiste aos cidadãos. V.T.I objeto indireto Observação: Nesse sentido, assistir admite lhe, lhes como objeto indireto. Ex.: Esse direito lhes assiste sempre. O.I V.T.I Esses dois verbos não mudam de sentido, mas podem ser transitivos diretos ou indiretos. a) São transitivos diretos quando não são pronominais, isto é, quando não estão acompanhados de pronomeoblíquo (me, te, se, nos, etc.). Ex.: Eu lembrei seu aniversário. V.T.D objeto direto Jamais esqueceremos esse dia. V.T.D objeto direto Esses são fatos que ela já esqueceu. OD V.T.D

3

22/08/2012

b) São transitivos indiretos (exigem preposição de) quando usados como verbos pronominais, isto é, acompanhados de pronome oblíquo (me, te, se, nos, vos). Ex.: Eu me lembrei de seu aniversário. V.T.I...
tracking img