Regencia nominal e verbal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1966 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ANÁLISE TEXTUAL – REGÊNCIA NOMINAL E VERBAL




O que significa estudar ‘regência’?

A relação de regência, seja nominal, seja verbal, envolve uma relação de dependência entre dois termos: um termo que exige a presença de outro, chamam-se regentes ou subordinantes; os que completam a significação dos anteriores chamam–se regidos ou subordinados. A palavra ‘regência’ vem doverbo reger, do latim Regere = dirigir, guiar, conduzir, governar. Assim, regente é o termo que DIRIGE, CONDUZ, GOVERNA, e regido é aquele que é DIRIGIDO, CONDUZIDO, GOVERNADO.

Temos dois tipos de regência em Português:

a) Quando o termo regente é um verbo temos a regência verbal.
Exemplo: As crianças confiam em seus pais.


b) Quando o termo regente é um nome (substantivo,adjetivo ou advérbio), ocorre a regência nominal.


Exemplo: As crianças têm confiança em seus pais


Na regência verbal, o termo regido pode ser ou não preposicionado, já que objetos diretos também são termos regidos pelo verbo; na regência nominal, o termo regido é obrigatoriamente preposicionado.




REGÊNCIA VERBAL

A regência verbal é o estudo da relação entre os verbos e osobjetos diretos e indiretos, termos que os complementam, e os adjuntos adverbiais, termos que os caracterizam. Estudar a regência verbal melhora a capacidade de expressão, já que nos permite conhecer os diferentes significados que um verbo assume, simplesmente porque lhe acrescentamos ou suprimimos uma preposição.

Exemplos:

O presidente agrada o povo. -> agradar significa acariciar,contentar.


O presidente agrada ao povo. -> agradar significa "causar agrado ou prazer", satisfazer.

Assim: "agradar alguém" é diferente de "agradar a alguém”.

O termo que completa o sentido de um verbo é chamado OBJETO. O objeto (termo regido) pode estar ligado (ao termo regente) por meio da preposição ou não. Se completar o verbo sem preposição obrigatória, recebe o nomede objeto direto, e pode ocorrer em período simples ou composto por subordinação.[1]
Em nossa aula 2, apresentamos parte do quadro abaixo, com algumas construções comuns na oralidade, mas não condizentes com a norma culta. Vamos relembrá-lo:

| Uso comum na fala | Norma culta |
| Assistio filme. | Assisti ao filme. |
| Atenda o chamado. | Atenda ao chamado. |
| Dei o livro para ela. | Dei o livro à ela.|
| Ensina para os alunos. | Ensina aos alunos. |
| Evite de fazer compras inúteis. | Evite fazer compras inúteis. |
| A reforma implicou em gastos não previstos. | A reforma implicou gastos nãoprevistos. |
| Maria namora com João. | Maria namora João. |
| Obedeça o regulamento. | Obedeça ao regulamento. |
| Já paguei o marceneiro. | Já paguei aomarceneiro. |
| Perguntou para o professor. | Perguntou ao professor. |
| Prefiro mais abacaxi do que manga. | Prefiro abacaxi à manga. |
| Responda o questionário. |...
tracking img