Refinarias do brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1674 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ESTÁCIO DE SÁ

TRABALHO AV.1

Ambiente Downstream

Professora: Gabriela Padilha

Curso: Petróleo e Gás
Campus: Norte Shopping
Turno: Noite
Aluno: José Guilherme da Silva Delphim
Matricula: 200901093907

Refinarias do Brasil
Introdução:

A indústria petrolífera é um segmento estratégico da economia, relacionando-se com diversos outros setoresa montante e a jusante. No cotidiano das pessoas, os derivados de petróleo participam de maneira intensa, como em combustíveis, fibras e utensílios.
A cadeia produtiva da indústria do petróleo envolve atividades intensivas em capital, que vão desde a exploração e produção das jazidas petrolíferas até a comercialização dos derivados.

Refinarias do Brasil
A Petrobrás tem 11refinarias no País e duas na Bolívia. No primeiro trimestre deste ano, o volume de óleo processado nas unidades de refino subiu de 1,738 milhão de barris/dia (no primeiro trimestre de 2010) para 1,852 milhão.
O governo federal através da Petrobras implantou novos projetos de refinarias no Brasil para o período de 2012 a 2016. São elas:

No estado do Maranhão refinaria PREMIUM I
No estado do CearáRefinaria PREMIUM II
No estado de Pernambuco Refinaria Abreu e Lima (RNEST)
No estado do Rio de Janeiro duas refinarias em ITABORAÍ

Apesar do atraso de dois anos a refinaria Abreu e Lima é a mais adiantada, o complexo petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) esta em obra, já licenciada a PREMIUM I passa pela fase de terraplanagem e a PREMIUM II ainda aguarda o licenciamento ambiental.COMPERJ
Um dos principais empreendimentos da história da Petrobras, o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) está sendo construído no município de Itaboraí.
O empreendimento caracteriza-se como um complexo industrial, onde serão produzidos, numa mesma área industrial, derivados de petróleo e produtos petroquímicos de primeira e segunda geração.
OComperj conta ainda com uma estrutura externa de logística, que inclui vias de acesso, emissário de efluentes, adutora, infraestrutura dutoviária, linhas de transmissão etc. Esse projeto ajudará no desenvolvimento sustentável da região Leste Fluminense, gerando empregos diretos, indiretos e por efeito renda.
A implantação do Comperj faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC)do Governo Federal.
Números
A Petrobras decidiu ampliar a capacidade de refino do Comperj para 165 mil barris/dia de óleo pesado nacional (1ª unidade de refino) com uma 2ª unidade de refino com a mesma capacidade (165 mil barris/dia de petróleo) para três ou quatro anos após a entrada em operação.
O Comperj será formado por uma refinaria e unidades geradoras deprodutos petroquímicos de 1ª geração como propeno, butadieno, benzeno, entre outros, e com uma capacidade de eteno da ordem de 1,3 milhão de toneladas/ano. Haverá também um conjunto de unidades de 2ª geração petroquímica com produção de estireno, etileno-glicol, polietilenos e polipropileno, entre outros. Além disso, haverá uma Central de Produção de Utilidades (CDPU), responsável pelo fornecimento deágua, vapor e energia elétrica necessários para a operação de todo o Complexo.
Já empresas de 3ª geração, que poderão ser atraídas pelo Comperj e se instalar também nos municípios vizinhos e ao longo do Arco Metropolitano, que ligará Itaboraí ao Porto de Itaguaí, serão responsáveis por transformar esses produtos petroquímicos de 2ª geração em bens de consumo, tais como: componentespara as indústrias montadoras de automóveis, materiais cirúrgicos e linha branca como eletrodomésticos, dentre outros. Cabe ressaltar que a atração dessas indústrias depende também de uma maior atratividade por parte das esferas municipal e estadual.
PREMIUM I
A Petrobras construirá no estado Maranhão a Refinaria Premium I. Construída no Município de Bacabeira, a refinaria contará com faixa de...
tracking img