Redes gigabit

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1366 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Faculdade Estácio De Sá - Campus Câmara Cascudo

aluno: xxxxxxxxxxxxxx

PADRÕES FÍSICOS DE REDE GIGABIT

Natal, Outubro De 2012
Aluno xxxxxxxxxxxxxx

PADRÕES FÍSICOS DE REDE GIGABIT

Pesquisa sobre, “Padrões físicos de rede gigabit”.
Apresentado á matéria de Redes
Do curso de Redes De Computadores,
Da Faculdade Estácio De Sá – Campus Câmara Cascudo.Professor Orientador;

João maria

(“Quando você se olha no espelho, ele olha de volta para você’’, Trecho da musica bumerangue blues interpretada pela banda Barão Vermelho.)

Natal, Outubro De 2012PADRÕES FÍSICOS DE REDE GIGABIT
Gigabit Ethernet (GbE ou 1 GigE) é o termo que descreve várias tecnologias para transmissão de quadros em uma rede a uma velocidade de Gigabit por segundo definido no padrão IEEE 802.3-2005. É possível encontrar redes Gigabit Ethernet no mercado usando HUB, mas pela norma a rede só pode ser usada através de um router.
A tecnologia Gigabit Ethernet começou a serdesenvolvida em 1997 pela IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineers) nos Estados Unidos, e acabou por se ramificar em quatro padrões diferentes. São eles: 1000baseLX, 1000baseSX, 1000baseCX e o 1000baseT.
Os padrões 1000baseLX, 1000baseCX e 1000baseSX são padronizados pelo IEEE 802.3z, já o padrão 1000baseT está padronizado pelo IEEE 802.3ab.
A tecnologia Gigabit Ethernet éapontada como uma ótima opção para redes de telecomunicação de alta velocidade. A migração das tecnologias Ethernet e Fast Ethernet para a tecnologia Gigabit Ethernet não exige grande investimento, já que as especificações técnicas são mantidas, em especial o quadro ethernet que se mantém em virtude da compatibilidade com as demais tecnologias ethernet.
A rede Gigabit Ethernet suporta transmissões nomodo Half-duplex e Full-duplex. No geral, ela é compatível com as suas antecessoras, mas algumas mudanças foram necessárias para se suportar o modo Half-duplex.
O controle das transmissões no modo Half-duplex é efetivado pelo CSMA/CD. O princípio do CSMA/CD no Gigabit é o mesmo do Ethernet e Fast Ethernet, permitindo a utilização da tecnologia em redes que utilizam HUBs.
Outra mudança foi aintrodução da rajada de quadros – frame burst. A rajada de quadros é uma característica opcional, através da qual uma estação pode transmitir vários pacotes para o meio físico sem perder o controle. “A transmissão em rajada é feita preenchendo-se o espaço entre os quadros com bits, de maneira que o meio físico não fique livre para as outras estações transmitirem.” (apud Beethovem Zanella Dias e NiltonAlves Jr. em: “Evolução do Padrão Ethernet”)
Na transmissão em Full-duplex, a banda aumenta de 1 para 2 Gb/s, aumentam-se as distâncias de alcance e é eliminada a colisão. O controle das transmissões não é feito pelo CSMA/CD, mas pelo controle de fluxo (Flow Control).
O mecanismo Flow Control é acionado quando a estação que está recebendo os dados se congestiona, então ela envia de volta umquadro chamado Pause Frame, que determina a parada de envio de informações durante um intervalo de tempo. A estação que está enviando dados espera o tempo determinado e logo após volta a enviar os dados, ou então a que está recebendo os dados envia um pacote com o time-to-wait igual a zero e as instruções para que o envio seja recomeçado.

1000BASE-T
É a tecnologia mais viável, caso a redepossua menos de 100 metros, pois ela utiliza os mesmos cabos par-trançado categoria 6 que as redes de 100 Mb/s atuais. Além de não necessitar a compra de cabos, não são necessários ajustes maiores para suportar esta tecnologia, e com a utilização de switches compatíveis a essa tecnologia, podem ser combinados nós de 10, 100 e 1000 megabits, sem que os mais lentos atrapalhem no desempenho dos mais...
tracking img