Recursos terapeuticos manuais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 42 (10314 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
RECURSOS TERAPÊUTICOS MANUAIS

- FISIOTERAPIA – é a ciência da área de saúde que tem como objetivo recuperar a cinesiofuncionalidade, usando agentes físicos (água, calor, eletroterapia, cinesioterapia, fototerapia, cremes, pomadas, etc).

A Fisioterapia no Brasil é influenciada pela Fisioterapia (EUA) e Kinesioterapia (Europa).
A Kinesioterapia trabalha com o movimento, enquanto quea Fisioterapia possui a visão da física (eletrotermofototerapia), e durante o tratamento, devem estar interligadas.

O paciente deve ser visto de forma Global (como um todo). O Fisioterapeuta deve trabalhar observando a Tridimensionalidade dos movimentos articulares.
A avaliação do paciente dura todo o tempo do tratamento. O terapeuta deverá avaliar e reavaliar o paciente otempo todo.
O tratamento dura o tempo necessário para a recuperação do paciente (de acordo com a resposta do paciente). Pode-se orientar o paciente a fazer um auto-tratamento, ensinando técnicas que o paciente poderá fazer em casa.
Deve-se respeitar sempre o princípio da Individualidade Biológica de cada paciente.

➢ EDEMA

O Edema que ocorre imediatamente após o trauma é bom,pois é um processo de defesa, que conduz água (líquido intersticial), nutrientes, sais minerais e proteínas ao local da lesão, que precisa de cicatrização. É como se o organismo estivesse “socorrendo” o local da lesão, gerando um edema. Neste momento, este edema não deve ser drenado.
Após algum tempo (em torno de 12 horas), este Edema se torna prejudicial (ruim), pois as proteínas presentescomeçam a se degradar e desenvolver um processo inflamatório. Neste momento, deve-se drenar o edema, utilizando a Inelastoterapia. Pode-se associar outras técnicas, como posição de drenagem de Trendelemburg, bomba muscular, diurético receitado pelo médico, etc.
Algum tempo após a drenagem, o edema pode retornar. Não deve ser logo drenado, pois novamente trará nutrientes, continuando acicatrização da lesão.
No dia seguinte, drenar o edema formado, até que a lesão cicatrize por completo.
Este tratamento (de controle) propiciará uma cicatrização mais rápida, diminuindo o quadro de dor. O próprio organismo estará tratando a lesão.

OBS: o procedimento para atletas é diferente.

Exemplo 1: Indivíduo atleta faz uma entorse de tornozelo. Imediatamente ocorre um edema. Nestecaso, se o atleta for competir, o edema é ruim, pois passa a limitar o movimento, diminuindo o desempenho na competição. Portanto, inicialmente, não deve-se deixar o edema se instalar. Deve-se drenar o edema e manter o atleta ativo. O atleta compete e, depois da competição, observa-se o resultado. Se o edema se instalar, deve ser tratado normalmente.
A avaliação é a coisa mais importantediante da lesão. No momento da lesão, o terapeuta deverá decidir se o atleta tem ou não condições de competir.

Exemplo 2: Indivíduo comum (não atleta) torce o tornozelo. Após a lesão, deve ir para casa e aguardar. Irá se instalar um edema. 12 horas depois, deve-se drenar o edema, mas não totalmente. Será gerado um novo edema (bom, com novos nutrientes, novas proteínas), que deverá ser drenadonovamente, até a cicatrização.

INELASTOTERAPIA

Tratamento utilizado para redução de edema em Membros Superiores e Inferiores.

|COMPRESSÃO (minutos) |INTERVALO (minutos) |INTERVALO (minutos) |
|1 |1 |1 |
|2 |1|2 |
|3 |1 |3 |
|4 |1 |4 |
|5 |1 |5 |
|6 |Fim...
tracking img