Recurso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1037 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
C1| Abordagem introdutória à Filosofia e ao filosofar

1. O que é a Filosofia? – uma resposta inicial
1.1. O que é a Filosofia?
É natural que, perante uma disciplina totalmente nova, como é o caso da Filosofia, desejes
saber o que ela é, o que estuda e, em última análise, para que serve. A primeira questão remete
para a possibilidade de uma definição; a segunda, para a indicação do objectode estudo; a
terceira, para o valor daquilo que se estuda, para a utilidade dos temas abordados.
Comecemos por tentar responder à primeira pergunta. Será possível definir a Filosofia? O
certo é que não há uma definição satisfatória e minimamente consensual do conceito de
Filosofia. Isso não quer dizer, obviamente, que não existam definições. O que não existe é um
denominador comum quanto aoconteúdo de uma definição válida para toda a gente. E porquê? Porque a história da Filosofia nos revela a sucessão de diversos sistemas, teorias e doutrinas, que foram dando diferentes respostas para os problemas fundamentais. Ora, cada filósofo
não só tenta explicar a realidade segundo o seu ponto de vista, como também define a Filosofia
de acordo com as suas próprias explicações da realidade.É por isso que muitos autores preferem falar em filosofias, no plural, em vez de uma única
Filosofia. Além disso, para sermos rigorosos, temos de considerar que, dentro da Filosofia,
existem as disciplinas filosóficas, uma vez que para cada um dos grandes temas foram aparecendo áreas específicas (ontologia, gnosiologia, axiologia, estética, etc.). Por outro lado, de
acordo com a proximidadeexistente entre perspectivas e sistemas filosóficos, foram aparecendo diferentes correntes (platonismo, aristotelismo, idealismo, positivismo, existencialismo,
estruturalismo, etc.).
Para concluir, podemos afirmar que há uma quantidade imensa de definições de Filosofia,
mas que nenhuma é totalmente certa ou errada, uma vez que cada filósofo define a Filosofia
a partir da sua própria concepção deFilosofia. A este nível, teremos sempre de considerar o
que há de subjectivo – que pertence ou é relativo ao sujeito – nos vários modos de interpretar a
realidade. Em oposição, temos o conceito de objectivo. Dizer que 2 + 2 = 4 é exprimir algo
objectivo, isto é, algo que é válido para todos os seres racionais. Ora, na Filosofia não existe
este grau de objectividade. Por isso, quem tenta definira Filosofia também nunca é neutro.
Talvez, então, a melhor forma de definir esta disciplina seja começar por referir as motivações
de quem é capaz de filosofar.

1.2. Quem filosofa
Creio que todos os seres humanos são filósofos, ainda que alguns mais do
que outros.
Creio que todo o homem desenvolve determinados pontos de vista filosóficos — ainda que geralmente acríticos —, filosofias boasou menos boas.
Também as expectativas, o que a vida deve oferecer, o que se pode alcançar na
vida, são, no fundo, pontos de vista filosóficos perante a vida.
Karl Popper, Sociedade Aberta – Universo Aberto, Publicações D. Quixote

12

O texto anterior sublinha que a Filosofia não é uma actividade exclusiva dos chamados filósofos profissionais. No entanto, Karl Popper sugere uma distinçãoentre a filosofia espontânea,
comum a todos os homens, e a filosofia sistemática, aquela que é desenvolvida precisamente
pelos filósofos profissionais.

1. O que é a Filosofia? – uma resposta inicial

O que distingue estes dois registos da actividade filosófica? O homem comum reflecte sobre
os problemas que a vida lhe coloca, e alguns desses problemas são de natureza filosófica;
mas estareflexão é pontual, pouco rigorosa, pouco profunda e, muitas vezes, destituída do
exercício crítico. Expressa nos ditados populares, nas crenças, na religião, nas ideologias,
etc., esta filosofia espontânea faz parte integrante da vida e da experiência quotidiana do
homem comum.
A filosofia sistemática distingue-se da anterior porque procura ser coerente e rigorosa, organizando os conceitos....
tracking img