Recomendacao de atribuicoes e registro profissional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2453 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O que os agricultores mais REIVINDICAM nem sempre é
o que eles mais NECESSITAM
Polan Lacki

Se os agricultores me pedissem sugestões para resolver seus crônicos problemas eu lhes diria algo muito diferente do que eles estão acostumados a ouvir. Em primeiro lugar lhes recomendaria que não continuem esperando que os problemas da agricultura serão solucionados pelos seus governos através decréditos abundantes e baratos, subsídios, redução de impostos e pedágios, melhor cotação do dólar e garantias oficiais de comercialização de suas colheitas; e lhes insinuaria que se o crédito rural fosse tão eficaz não teríamos tantos agricultores tão endividados. Em segundo lugar lhes sugeriria que considerem como muito remotas as probabilidades de que os governos dos paises ricos deixarão desubsidiar e proteger os seus agricultores; porque eles têm poderosas razões internas, além de muitos dólares, euros e yens, para continuar fazendo-o. Em terceiro lugar mencionaria que estas duas ajudas externas às suas propriedades, embora desejadas, não são tão imprescindíveis como os agricultores imaginam; pois existe uma outra ajuda, ou melhor dizendo, uma auto ajuda, que produz resultados econômicosmuito mais eficazes com a vantagem de que não são efêmeros nem esporádicos e sim permanentes e até definitivos.

Concluiria as minhas sugestões dizendo que eles necessitam tornar-se tão eficientes e profissionalizados a ponto de prescindirem das ajudas paternalistas dos seus governos e de serem menos vulneráveis aos subsídios e às medidas protecionistas adotados pelos países ricos. Afirmaria, comextrema honestidade e franqueza, que os próprios produtores rurais terão que solucionar os seus problemas e que deverão fazê-lo, corrigindo ou eliminando as suas próprias ineficiências. Diria categoricamente que a globalização dos mercados (estejamos de acordo com ela ou não) está impondo aos nossos agricultores os seguintes desafios, reais e concretos:

a) os produtores rurais ineficientessimplesmente não sobreviverão na agricultura; e não sobreviveriam mesmo que lhes fossem proporcionadas as duas ajudas externas analisadas no primeiro parágrafo deste artigo;

b) sobreviverão economicamente apenas os agricultores muito eficientes. Assim considerados como aqueles que sejam capazes de adotar de maneira correta a maioria das seguintes medidas tecnológico-produtivas, gerenciais,organizacionais e comerciais:

1) Incrementar os rendimentos por unidade de terra e de animal para reduzir os custos por quilo produzido;
2) Diversificar as espécies cultivadas e integrá-las com a produção pecuária para reduzir a excessiva e às vezes desnecessária dependência do crédito rural; e também para evitar riscos de pragas, de clima e incertezas de mercado; o milho, o sorgo, a soja, a mandiocae a alfafa que eles colhem nas suas propriedades não deveriam vendê-los ao primeiro intermediário e sim deveriam "vendê-los" às suas próprias vacas, galinhas, frangos e suínos com a finalidade de reduzir os custos das rações balanceadas;
3) Realizar a reconversão produtiva substituindo espécies menos rentáveis por outras mais rentáveis (diferenciadas, mais sofisticadas ou de maior densidadeeconômica): devido à globalização dos mercados é difícil que um pequeno agricultor possa sobreviver economicamente produzindo mandioca, algodão, milho, batata, feijão ou arroz; especialmente se os vende tal como os colheu (sem adicionar valor) e se o faz ao primeiro intermediário que lhe compra diretamente na propriedade;
4) Melhorar a qualidade dos bens produzidos e, sempre que possível, submetê-losa um mínimo processamento inicial (limpeza, classificação, secagem/desidratação, fracionamento, etc.) visando obter melhores preços na comercialização e, especialmente;
5) Organizar-se com os seus vizinhos para realizar em conjunto e com menor intermediação a aquisição dos insumos, a comercialização das colheitas e a realização daqueles investimentos que, devido ao seu alto custo e baixa...
tracking img