Realismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1340 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A importância do jogo da educação infantil

1 INTRODUÇÃO
Sabe-se que brincar é um direito e uma necessidade na vida de todas as crianças no mundo inteiro, cada uma delas deve estar em condições de aproveitar as oportunidades educativas voltadas para satisfazer suas necessidades básicas de aprendizagem. Assim, cabe a escola oferecer a seus educandos oportunidades para que estes construam oconhecimento por meio da criatividade, imaginação e descoberta, pois é essencial a intervenção da criança em seu meio. Por isso, sugere-se que o profissional desta área busque através do jogo fornecer a seus alunos estas oportunidades.

Sabe-se que os jogos propiciam ao aluno um momento de descontração, recreação ao mesmo tempo que são educativos e afetivos. Desde o século XVIII que o jogo já eraconsiderado importante para a educação das crianças, na Grécia. A ludicidade penetra na Educação Infantil e passa a fazer parte da vida da escola desde então.  E é neste período da vida da criança, que se tornam relevantes aspectos de sua formação, já que esta é um ser bio-psico-social-cultural dando os passos para uma futura escolarização e integração adequadas como membro do grupo social quepertence.

A ludicidade e a aprendizagem não podem ser consideradas como ações com objetivos diferentes. O jogo e a brincadeira são por si só, uma situação de aprendizagem. "As regras e imaginação favorecem á criança comportamento além dos habituais. Nos jogos ou brincadeiras a criança age como se fosse maior que a realidade, e isto, inegavelmente, contribuem de forma intensa e especial para o seudesenvolvimento" (REGO, 1932, p. 36).

2 A IMPORTÂNCIA DO JOGO DA EDUCAÇÃO INFANTIL
Sabe-se que cada época e cultura tem uma visão diferente sobre a infância e a criança, mas predominou foi a da criança como ser inocente, inacabado, incompleto, um ser em miniatura, dando à criança uma visão negativa. Onde esta era vista como um adulto em miniatura, e somente a partir do século XVIII, passou aver-se a criança com uma conotação diferenciada, contudo a partir do século XX é que os psicólogos e pedagogos passaram a considerar a criança como um ser especial, único, com especificidades, particularidades, características e necessidades próprias.

Acredita-se que o papel do professor frente ao desenvolvimento infantil, é o de proporcionar experiências diversificadas e enriquecedoras, a fim deque as crianças possam fortalecer sua auto-estima e desenvolver suas capacidades.

"A auto-estima refere-se à capacidade que o indivíduo tem de gostar de si mesmo, condição básica para se sentir confiante, amado, respeitado. Tal capacidade, porém, não se instala no indivíduo como num passe de mágica, mas faz parte de um longo processo, que tem sua origem ainda na infância". (SEVERINO, 1991)Dessa maneira, cabe ao professor auxiliar para que a auto-estima da criança esteja em alta, para que ela pense e aja de forma positiva, aceitando-se e confiando em si mesma. Para isso o professor deve ajudar neste processo, proporcionando a seus alunos atividades que favoreçam a construção e valorização do ‘eu

[pic]"A ludicidade é uma necessidade do ser humano em qualquer idade e não pode servista apenas como diversão. O desenvolvimento do aspecto lúdico facilita a aprendizagem, o desenvolvimento pessoal, social e cultural, colabora para uma boa saúde mental, prepara para um estado interior fértil, facilita os processos de socialização, comunicação, expressão e construção do conhecimento". (KISHIMOTO, 1994)

Acredita-se que a ludicidade, a brincadeira e o jogo, sejam grandesauxiliares na socialização e integração da criança na sociedade, pois eles despertam na criança o senso de justiça, a igualdade, o respeito pelo outro e por si mesmo, a competição sadia, a imaginação, a organização, a lateralidade, a motricidade, entre outros. Para Oliveira (1990), as atividades lúdicas são a essência da infância. Por isso, ao trabalhar com o jogo, a brincadeira não podemos deixar de...
tracking img