Radiologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 71 (17662 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Revista Brasileira de Ensino de F
sica vol. 20, no. 4, Dezembro, 1998


373

A Descoberta dos Raios X: O Primeiro Comunicado de Rontgen
The discovery of X rays: Rontgen's rst communication
Grupo de Hist
ria e Teoria da Ci^ncia, o e Departamento de Raios C
smicos e Cronologia, o Instituto de F
sica Gleb Wataghin, UNICAMP", Caixa Postal 6165, 13081-970 Campinas, SP


Roberto deAndrade Martins

Recebido 4 de novembro, 1997

No nal de 1895, Wilhelm Conrad Rontgen publicou a primeira descri~o dos raios X, na ca qual apresentou uma caracteriza~o experimental qualitativa da nova radia~o. Este artigo ca ca apresenta uma tradu~o do primeiro artigo de Rontgen, comentando seus precedentes e seu ca contexto cient
co.
Towards the end of 1895, Wilhelm Conrad Rontgenpublished the rst description of X rays where he presented a qualitative experimental identi cation of the new radiation. This article presents a translation of Rontgen's rst paper, and discusses its precedents and scienti c context.

I. Introdu~o ca
Todos os livros de f
sica moderna informam que os
raios X foram descobertos por um cientista chamado Rontgen, em 1895. Costuma-se dizer que essadescoberta foi feita por acaso, e a contribui~o de Rontgen
ca e comumente minimizada - como se ele nada mais tivesse feito al
m de perceber a exist^ncia de um novo tipo e e 1. Descri~es desse tipo passam uma vis~o de radiaao c~ co a o o
err^nea sobre o pr
prio processo de pesquisa cient
ca, e
importante desfazer esse tipo de mito. A pesquisa e experimental pode ter algumacontribui~o do acaso, ca mas em sua maior parte
um trabalho sistem
tico, e a racional, dirigido por pressupostos te
ricos e exigindo o uma grande engenhosidade t
cnica para superar di e culdades observacionais e para se testar hip
teses. A o

 Endereo eletr^nico do autor: rmartins@i .unicamp.br c o 1 Alguns livros-texto mais antigos trazem uma descri~o mais adequada do trabalho de Rontgen.Entre eles, podemos citar RICHTca MYER, KENNARD & LAURITSEN, Introduction to modern physics, pp. 345-7. Os autores se deram ao trabalho de consultar uma traduao dos primeiros artigos de Rontgen. No caso de livros-texto mais recentes costuma-se encontrar vers~es bastante inexatas sobre c~ o a contribuiao de Rontgen. Ali
s, a mesma editora que publicava o livro de Richtmyer e colaboradores lanoualguns anos depois c~ a c um outro livro-texto de f
sica moderna que traz uma descri~o totalmente errada do trabalho de Rontgen: LEIGHTON, Principles of
ca modern physics, pp. 405-6. 2 O nome Rontgen
geralmente pronunciado de modo errado. O modo correto
algo parecido com R^n-t-guen. O o" com trema e e e no alem~o tem pron
ncia semelhante ao ditongo eu" franc^s. A letra t" do nomeengolida, criando uma quebra entre a primeira e a a u e e ultima s
labas; e a s
laba gen"
pronunciada como guen" e n~o como jen". Al
m da pron
ncia, deve-se notar que o segundo nome,


e a e u Conrad,
escrito com C" no in
cio, e n~o K", como se encontra em muitos livros. e
a

an
lise detalhada da contribui~o de Rontgen pode aua ca xiliar a se compreender melhor como se do processo a de descoberta de um novo fen^meno f
sico. o
Wilhelm Conrad Rontgen2 nasceu a 27 de maro c de 1845 em Lennep, na prov
ncia do Reno, na atual
Alemanha. Aos tr^s anos de idade mudou-se para a e Holanda pa
s natal de sua m~e, e estudou na Uni
a versidade de Utrech 1865, depois em Zurich, onde obteve o diploma de engenheiro em 1866 e doutorado
em f
sica em 1869. Suasprimeiras pesquisas foram sobre calor espec
co de gases. Em 1870, mudou-se com
seu orientador, August Eduard Ebenhardt Kundt, para Wurzburg, na Bav
ria uma cidade de 45.000 habia tantes, na
poca. Ap
s alguns anos, quando seu orie o entador saiu de Wurzburg para Strasbourg, Rontgen o acompanhou. Depois de lecionar em outras universi-

374 dades, retornou a Wurzburg em 1888. 3 Rontgen...
tracking img