Quimica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (591 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução



Atualmente sabe-se que alguns sais quando são formados apresentam água em sua estrutura cristalina.
Neste documento usaremos o sulfato de cobre com o intuito dedemonstrar esta existência de água na estrutura e de como esta água afeta diretamente nas propriedades deste sal.Procedimento


Materiais utilizados
- Cápsula de porcelana
- Espátula
- Balança Analítica
- Estufa
- Dessecador
- Pinça metálica
- Sulfato de cobre penta-hidratado


- Pesa-sea cápsula de porcelana limpa e seca, tomando cuidado ao manuseá-la, sem tocar com as mãos porque elas liberam gordura e isso pode alterar o resultado. Usando a pinça para manuseá-la.

-Adicionar com uma espátula 1g de sulfato de cobre penta-hidratado à cápsula.

- Depois de pesado, deve-se levar à cápsula com a substância à estufa a 100°C durante 2h, manuseando a cápsula com apinça metálica. Tomando cuidado ao abrir a estufa.

- Retirar a cápsula com a pinça passadas 2h (deve-se colocar a pinça na estufa entreaberta para não haver um choque térmico, deixar por algunssegundos e só depois pegar a cápsula) e colocá-la no dessecador. Novamente tomando cuidado ao manuseá-la. Nota-se que o sal penta-hidratado (azul) tornou-se branco e agora recebe o nome desulfato de cobre anidro.

- Depois é necessário pesar novamente a cápsula contendo o sulfato de cobre e calcular a quantidade de água que foi absorvida pelo sal.

- Lavar os acessóriosutilizados e descartar o sal.














Resultados


Foram observados os seguintes resultados:

Cálculo
- m1 = massa da cápsula
- m2 = massa da cápsula + CuSO4 x 5H2O
-m3 = massa de CuSO4 x 5H2O = m2-m1
- m4 = massa da cápsula + sal anidro
- m5 = massa do sal anidro = m4-m1

m1 = 87,9500 g
m2 = 88,9500 g
m3 = 1 g
m4 = 88,6466 g
m5 = 0,6966 g...
tracking img