Quimica da madeira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 97 (24165 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ
SETOR DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS
DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA E TECNOLOGIA FLORESTAL

QUÍMICA DA MADEIRA
(3ª. Edição revisada)

Umberto Klock
Eng. Florestal, Dr., Prof. Adjunto
Graciela Inez Bolzon de Muñiz
Eng. Florestal, Dr. Prof. Titular
José Anzaldo Hernandez
Eng. Químico – Doutorando CPGEF/UFPR
Alan Sulato de Andrade
Eng. Industrial Madeireiro -Doutorando
CPGEF/UFPR

Curitiba
2005

APRESENTAÇÃO

A Composição Química da Madeira é essencial para o
entendimento do comportamento deste material ou compósito
natural que é objeto da Engenharia Industrial Madeireira e da
Engenharia Florestal.
Este manual didático foi desenvolvido para servir de apoio aos
estudantes da Disciplina de Química da Madeira ofertada pelo
Departamento deEngenharia e Tecnologia Florestal – Setor de
Ciências Agrárias – da Universidade Federal do Paraná bem
como a outras disciplinas relacionadas e a todos interessados no
conhecimento do assunto.

AGRADECIMENTOS

Ao CNPq – Conselho Nacional de Desenvovimento Científico e
Tecnológico por concessão de bolsas de produtividade e de
estudos aos autores.

Aos estudantes interessados em aprofundar seusconhecimentos
em relação a madeira.

SUMÁRIO
APRESENTAÇÃO
AGRADECIMENTOS
1. INTRODUÇÃO
2. ESTRUTURA E ULTRAESTRUTURA DA PAREDE CELULAR
2.1 Aspectos anatômicos
2.1.1 Coníferas
2.1.2 Folhosas
2.1.3 - Tecidos de Reação
2.1.4. Elementos funcionais do sistema de condução
2.1.5 Tiloses
2.1.6 Cerne e alburno
2.2. Ultraestrutura da parede celular
3. COMPOSIÇÃO QUÍMICA DA MADEIRA
3.1.Componentes químicos
3.2 Substâncias macromoleculares
3.2.1 Celulose
3.2.2. Polioses (hemiceluloses)
3.2.3. Lignina
3.2.4. Substâncias Poliméricas Secundárias
3.2.5. Substâncias de Baixo Peso Molecular
4. ANÁLISE QUÍMICA DA MADEIRA
4.1. Problemas da Análise
4.2. Amostragem e preparação da amostra.
4.3. Determinação da Umidade da Madeira.
4.4. Extrativos
4.5. Material inorgânico
4.6Métodos de deslignificação
4.7. Isolamento e determinação da celulose
4.8 Isolamento e determinação de polioses
4.9. Isolamento e determinação da lignina
5. REAÇÕES QUÍMICAS DA MADEIRA
5.1. Ação de substâncias químicas
6. CELULOSE
6.1. Conceito
6.2 Fontes de celulose
6.3. Estrutura da celulose
6.4 Histerese
6.5. Reações Químicas da Celulose
7. POLIOSES (HEMICELULOSES)
7.1 Conceito:
7.2.Tipos de Polioses:
7.3. Diferenças entre Celulose e Polioses:
7.4. Reatividade das Polioses
7.5. Importância das polioses

01
02
03
04
05
06
09
11
13
15
15
17
20
20
21
22
22
22
22
22
24
24
25
26
28
29
29
30
31
31
33
33
39
41
42
42
46
47
57
58
59
61
61
61

8. LIGNINA DA MADEIRA
8.1 Introdução
8.2 Conceito
8.3 Estrutura química
8.3.1 Composiçãoelementar
8.3.2 Base estrutural
8.3.3 Grupos funcionais
8.4. Propriedades da lignina
8.4.1. Massa molecular
8.4.2. Comportamento coloidal
8.4.3. Transição vítrea
8.5 Funções da lignina na planta
8.6 Principais reações químicas da lignina
9. COMPONENTES ACIDENTAIS DA MADEIRA
9.1. Definições
9.2 . Extrativos da madeira
9.2.1. Extrativos voláteis com vapor d’água
9.2.2. Extrativos solúveisem solventes orgânicos
9.2.3. Extrativos solúveis em água
9.2.4. Terpenos e terpenóides
9.2.5 Compostos alifáticos (graxas e ceras)
9.2.6. Compostos fenólicos
9.3 Formação e função dos extrativos
9.4 Localização dos extrativos
9.4.1 Extrativos da madeira de coníferas
9.4.2 Extrativos de madeiras de folhosas
10. COMPOSTOS INORGÂNICOS E SUBSTÂNCIAS PECTICAS
11 . BIBLIOGRAFIA CONSULTADA eRECOMENDADA

62
62
64
64
64
65
65
67
67
67
67
68
69
71
71
72
73
73
74
74
76
76
78
79
79
80
80
81

QUÍMICA DA MADEIRA

1. INTRODUÇÃO
Dentre os materiais de origem biológica, a madeira é sem dúvida o
mais conhecido e utilizado, o lenho de uma árvore contém grande quantidade de
substâncias que são utilizadas como matérias primas em quase todos os campos
da...
tracking img