Questionario_The Corporation

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2136 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de março de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
Para explicar o ingresso e a permanência da mulher no mercado de
trabalho, é preciso atentar para as profundas modificações econômicas
favorecidas por novos valores culturais que deram um novo sentido à
independência feminina no período após a Segunda Guerra Mundial.

Ainda no texto, vemos que a mulher teve, através do tempo, três
conquistas significativas, estabelecendo um marcos históricona sociedade, que são: 1) a
liberdade sobre seus corpos e a procriação percebida mediante o controle de sua
fecundidade com os métodos contraceptivos; 2) a desinstitucionalização da família, na
medida em que a coabitação e o nascimento dos filhos independem do casamento; e 3) o
referencial igualitário dentro do casal, legitimado pela lei do divorcio.
No vídeo da entrevista5 do ProfessorRicardo Antunes, percebe-se que a
bancada dos entrevistadores é composta em sua maioria por mulheres e, mulheres bem
sucedidas profissionalmente. Ele ressaltou que na Inglaterra, no ano de 1998, a classe
trabalhadora feminina suplantou a classe masculina. Diz que a nova morfologia do
trabalho gira em torno do crescente trabalho feminino. Disse ainda, que a oferta de
trabalho para mulheres aqui noBrasil é enorme. Exemplo disso é o ramo da telemática
com um contingente de aproximadamente 80% feminino.
Já no Filme The Corporation6, o trabalho feminino foi demonstrado de
maneira quase de escravidão. Elas se submetem a esse tipo de condição, muitas vezes,
por falta de opção e até mesmo, por ter que sustentar toda a família. Em vários casos,
elas se oferecem por um salário baixíssimo,dando as empresas um lucro sem igual.
Outro ponto importante é que mesmo depois da ascensão profissional, as
mulheres continuam com a responsabilidade doméstica. Esse excesso de trabalho torna
a rotina feminina bastante estressante, levando a um estudo aprofundado da capacidade
produtiva dessa jornada diária da mulher.

3-De acordo com o filme relacione toyotismo, consumo e marcas.

Otoyotismo proporcionou um acréscimo significativo na economia ao
padronizar a forma do processo produtivo, aumentando assim, os produtos ao consumo
do mercado. Essa organização, não ficou somente no chão de fábrica, se estendeu a
todos os setores que movimentam o comércio. Até mesmo, os lares hoje em dia utilizam
o método toyotista nas tarefas cotidianas.
5
6

Ao Programa da TV Cultura – RodaViva em Setembro de 2012.
Documentário que reúne entrevistas e relatos sobre a realidade das Corporações.
3

As corporações de sucesso, do futuro, não produzem bens. Eles
produzem significado de marca.
O consumo está diretamente ligado ao desejo de cada indivíduo. Cada ser
humano tem em si diversos tipos de desejos. Desejos estes, muitas vezes expressos por
meio do consumo irracional deobjetos desnecessários no momento, porém, só por
impulso dos indivíduos, são adquiridos, em certos casos, só para dizer que possui
determinado bem.
A questão das marcas está diretamente ligada a idéia de monopólio
simbólico e rendimentos de monopólio. Pois a monopolização de um conhecimento, de
uma competência, de um conceito, continua no bastante difícil, exigindo um alto
investimento.Determinadas marcas dedicam uma parte de seus lucros em propaganda e
em marketing. Por exemplo, a concepção, o desenvolvimento e a produção de novos
produtos absorvem outra parte dos lucros. Com isso, os lucros ficam em torno da
equivalência. Nas empresas como a Nike, Coca Cola e McDonald’s, o monopólio gira
em torno do nome já agregado na sociedade. A marca já, é em si, um capital na medida
em queesse poder lhe assegura.

4-De acordo com os exemplos vistos no filme relacione, precarização, flexibilização,
globalização e trabalho feminino.

A idéia de precarização é basicamente uma desordem na distribuição das
funções exercidas em determinados cargos. Dando como exemplo, que algumas
empresas recrutam profissionais para exercerem o cargo de Assistentes Administrativos,
porém, a...