Questao social e suas expressoes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2258 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 INTRODUÇÃO
No mundo atual percebe-se que os indivíduos são diferenciados pelos seguintes aspectos: coisas materiais, raça, cor, sexo, cultura e outros.
Encontram-se essas diferenças na sociedade, pois nelas existem indivíduos que vivem na mais absoluta miséria e outros que vivem em mansões rodeadas de luxo com mesas fartas, enquanto outros nem sequer fazem uma refeição decente durante todo odia.
As desigualdades sociais assumem feições distintas, porque são constituídas de um conjunto de elementos econômicos, político e cultura de cada sociedade.
2 QUADRO DE APRESENTAÇÃO
Karl Marx Concepção do pensamento Ex. encontrado atualmente que justifica a concepção
Desigualdades sociais O pobre servia única e exclusivamente para trabalhar para os seus patrões As diferenças doindivíduo no mundo em que vive se baseia nos seguintes aspectos: coisas materiais, raça, cultura, cor.
Concepção de Estado e governo A luta armada derrubou a sociedade feudal e implantou uma base de uma sociedade que permanece. Marx criticou o socialismo utópico e defendeu o socialismo científico, o único caminho possível para uma sociedade baseada nos princípios comunistas. A elite entre capital etrabalho que foi herdada do período anterior o que inclui a própria organização estatal.
A exploração do homem pela própria espécie. A alienação de diversas formas.
A concepção da lei para a vida em sociedade Redução de jornada de trabalho, divisão social do trabalho, mais valia. O capitalismo se apresenta ainda nos dias atuais como um regime econômico de exploração.
Formas de abordagem dasdesigualdades sociais Marx aborda formas de enfrentamento e diz que a luta do proletariado no capitalismo não deveria se limitar à luta dos sindicatos por melhores salários e condições de vida, deveria ser uma luta ideológica para que o socialismo fosse conhecido pelos trabalhadores e assumido como luta política pela tomada do poder. Lutas de classes sociais menos favorecidas para melhores condições devida, sócio econômico e organizações sociais.

3 QUESTÃO SOCIAL E TEORIAS DE MARX
Várias teorias aparecem no século XIX criticando as explicações sobre as desigualdades sociais, entre elas a de Karl Marx que desenvolveu uma teoria sobre a noção de liberdade e igualdade do pensamento liberal.
Marx criticava o liberalismo porque só eram expressos os interesses de uma parte da sociedade e nãoda maioria como tinha que ser.
A justificativa encontrada para esta nova fase foi o liberalismo que se baseava na defesa da propriedade privada, comércio liberal e igualdade perante a lei.
O homem de negócio era louvado, ou seja, ele era o máximo, era o sucesso total e citado para todos como modelo para os demais integrantes da sociedade, a riqueza era mostrada como seu triunfo pelos seusesforços, diferente do principal fundamento da desigualdade que era a pobreza que era o fator principal de seu fracasso pessoal.
Então os pobres deveriam apenas cuidar dos bens do patrão, máquinas, ferramentas, transportes e outros. Supostamente Deus era testemunha do esforço e da dedicação do trabalhador ao seu patrão. Diziam que a pobreza se dava pelo seu fracasso e pela sua ausência de graça, entãoo pobre era pobre porque Deus quis assim.
O pobre servia única e exclusivamente para trabalhar para os patrões e tinham que ganhar somente o básico para sua sobrevivência, eles não podiam melhorar suas condições, pois poderia não se sujeitar mais ao trabalho para os ricos, a existência do pobre era defendida pelos ricos, pois ficavam ricos a custa dos pobres, ou seja, precisavam do pobretrabalhando a troco de salários miseráveis.
As desigualdades se originavam dessas relações contraditórias, refletem na dominação e apropriação dando origem a um sistema social, nesse sistema uma classe produz e outra domina tudo, onde esta última domina a primeira dando origem a classes operárias e burguesas (proletariado x burguesia).
As desigualdades são frutos das relações sociais, políticas e...
tracking img