Quatro mil anos de contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1164 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Quatro Mil Anos de Contabilidade
A contabilidade e o Renascimento Italiano encontram-se interligados, o primeiro sendo produto do segundo e o segundo se apoiando no primeiro, no desenvolvimento do capitalismo privado junto às características desse movimento. Dessa forma, pode-se dizer que uma parte da História provém da Contabilidade.
Registros de Partidas Dobradas surgiram aos poucos por voltado século XIII e XIV na Itália, por exemplo, com escriturações de cidades e mercadores, mas foi inicialmente codificado – regulamentado - pelo Frei Luca Pacioli, um dos “produtos” mais autênticos da Renascença e que escreveu sobre a escrituração por Partidas Dobradas (Primeiro material publicado acerca desse sistema contábil). Atualmente o método exposto por Pacioli é a base para a Contabilidade,claro que com as devidas mudanças.
No início (século XVI), a contabilidade atendia os proprietários e eram sigilosas (sem exatidão ou padrões de divulgações. Ademais, não havia muita distinção entre os negócios pessoais e empresariais, assim como inexistia conceito de exercício contábil, não visando a periodicidade na apuração de bens, por exemplo. Enfim, existia diversas unidades monetárias,tornando mais complexas as Partidas Dobradas.
Portanto, a contabilidade, assim como as origens de suas palavras, remota à mesma linhagem que muitas outras profissões, a da Renascença e de diversas pequenas origens de outros povos.
É importante saber que grandes passos sociais e intelectuais, foram dados em período de paz e tolerância. É de suma importância, também, o fato de que a contabilidade,apesar de ter nascido na Itália (século XIV), sofreu influências e foi precedida de fatos de toda a parte do mundo, pois economias em outras regiões do mundo (China, Egito, Grécia, Espanha, Arábia Saudita, índia, etc.) entraram em conflitos ao longo dos séculos e disseminaram/absorveram diferentes modos de conceitos e áreas do pensamento, de uma forma ou de outra, destruindo uns materiais epreservando outros, além disso, essas outras sociedades já eram consideradas sofisticadas em diversos ramos de pensamentos, com ensinamentos até hoje aceitos e com registros contábeis (primitivos) que indiretamente foram similares e serviram como sustentação aos pensamentos iniciais de contabilidade na Itália. Então, com a intervenção de valores de outros povos, incluindo fortemente a influência árabe erespectivas descobertas na astrologia ou matemática, por exemplo, a Europa, e principalmente a Itália, agregou valores aos seus conhecimentos e utilizou-se consideravelmente deles para formulação de suas ideias.
As mudanças sociais e econômicas, junto aos progressos da tecnologia, somaram-se ao conhecimento como presente do oriente médio à Contabilidade. Seja pela captura da aprendizagem dafabricação de papel, da pólvora ou da bússola dos chineses, seja pelas especiarias ou invenção de uma vela mais adequada à navegação, esses aspectos proporcionaram diversos outros desenvolvimentos, assim como o próprio comércio, de modo mais significativo entre a Itália e o Oriente. Com esses novos conhecimentos e o comércio aflorado, a acumulação de riqueza ficou mais evidente, havendo também asubstituição da representação individual por representantes ou associações/sociedades o que foi muito importante no aspecto contábil de distinção entre a entidade e seus proprietários, para a prestação de contas e para o desenvolvimento da sociedade por ações. Depois disso, com as epidemias, um novo pensamento de propriedade privada e necessidades mais modernas, novas bases da sociedade foram sefirmando, e uma delas foi o surgimento da imprensa, tornando Veneza um centro dessa área e permitindo a elaboração do primeiro livro de Contabilidade, assim como a brecha para Pacioli editar seus textos. A Itália foi privilegiada como destinatária de todas essas sabedorias de estudiosos de outras partes do mundo e das mudanças políticas, sendo o produto da Renascença quanto da arte de diversos...
tracking img