Qualidade de vida do profissional de enfermagem que atua em escala noturna de enfermagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7107 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
8

A QUALIDADE DE VIDA DOS PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM QUE ATUAM
NA ESCALA NOTURNA DE ENFERMAGEM
Autor: BASTOS, Wallas José Saraiva
Apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso de Enfermagem na Universidade
Severino Sombra de Vassouras/RJ
Apresentado em 09 de dezembro de 2009
Professora orientadora: Enfermeira Especialista Magda Vieira Barbosa
I - INTRODUÇÃO
O motivo que levou a iniciar esteprojeto de pesquisa nasceu a partir do
momento em que como acadêmico de Enfermagem, pude observar que
determinados colaboradores da equipe de Enfermagem atuantes no plantão noturno
demonstravam certa alteração de humor, deixando transparecer tanto em palavras
como em relação à fisionomia facial, certo stress referente à sua jornada de
trabalho.
É necessário que se faça uma busca pela causa destasituação, pois é
preciso que o profissional de Enfe rmagem esteja habilitado para exercer suas
funções, porém deve ter em mente que é uma pessoa que cuida de outras, não
podendo estar desequilibrado psicológica e emocionalmente.
A importância está em cuidados com os pacientes, pois o stress pode levar à
erros, bem como à desequilíbrios emotivos, onde o profissional pode até mesmo
transmitir essasituação ao paciente, interferindo inclusive no que tange aos
aspectos emocionais do mesmo.
Desta forma, é preciso intervir, através da aplicação de algumas meto dologias
de reorientação profissional, e mesmo terapias de grupo objetivando trazer
tranqüilidade e equilíbrio emocional à estes profissionais.
Mas também é necessário ouvi – los, para que assim o processo de orientação
e terapia sejaempregado. O que ocorre no dia – a – dia desses colaboradores?
Quais os enfrentamentos que ocorrerem em sua rotina diária? Quais as sua
principais queixas?
A intenção não é levantar críticas sobre a postura destes profissionais, mas
sim trazer melhorias na rotina de vida de trabalho noturno dos mesmos.
Desta forma, vários aspectos serão observados, como a carga horária
trabalhada, o repouso destescolaboradores, a dieta que os mesmos consomem, as
relações familiares (existem problemas familiares que os levam à situações de
8

9

stress emocional?), na verdade, durante o projeto estes profissionais serão
observados e abordados, para que possa se encontrar um denominador comum que
viabilize a possível implementação de medidas de reparo nestas situações.
Deve se levar em conta que as alterações nociclo circadiano dos indivíduos
(trocar o dia pela noite) traz certas alterações fisiológicas, como queda da
imunidade, alterações nos batimentos cardíacos e outros. Além disso, o colaborador
de Enfermagem que executa as su as funções no turno noturno abre mão do lazer
em muitos casos, bem como de compartilhar certos momentos com a sua família
(festas, lazer e convivência diária).
“O ciclovigília-sono é um ritmo biológico que possui caráter endógeno,
determinado geneticamente e sincronizado por pistas temporais. A natureza
endógena dos ritmos biológicos aponta para a existência de estruturas que são
capazes de propiciar ao organismo esta ritmicidade, são os chamados relógios
biológicos ou osciladores endógenos. (CAMPO S E MARTINO, 2003)
“ No trabalho em turnos, cuja maneira de se organizara jornada
seria em diferentes horários ou em horário constante, porém
incomum, um exemplo é o trabalho noturno permanente, o
indivíduo é obrigado a inverter o seu horário de dormir, causando
uma desordem temporal do organismo e ao longo do tempo
trazendo prejuízos à sua saúde.” (CAMPOS E MARTINO, 2003).

Sendo assim, é necessário compreender esta realidade na vida destes
profissionais, para quedeste modo possa se realizar algo em p rol dos mesmos, o
que refletirá na qualidade do atendimento de enfermagem prestado por esses
colaboradores, pois com uma boa qualidade de vida, os mesmos responderão com
uma boa prestação de serviços aos clientes dos quais são assistencialistas.

9

10

2. REVISÃO DE LITERATURA
2.1. HISTÓRICO
Para que possa haver uma prestação de serviços por parte de...
tracking img