quadro cronologico colonia imperio 1 republica e 2 republica





UNIVERSIDADE ANHANGUERA UNIDERP

PEDAGOGIA
PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO













ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS.











Daniel
Rita
Maria Eduarda











São Paulo SP
2013
Sigmund Freud

Freud médico austríaco e fundador da psicanálise recebeu uma educação judaica aberta à filosofia do iluminismo. Ele era tão querido quesua mãe o chamasse de “meu Sigi de ouro’’ e amado pelo seu pai que lhe ensinou valores sobre a religião judaica”. Freud era um psicanalista que não tinha medo de vali ar sua pesquisa estudou muito e gostava de estudar a mente humana e seus mistérios, depois praticou hipnose trabalhou em hospital e então começou avaliar a sexualidade infantil, ato esse bem simbólico para educação. Destaca muitoesse assunto nas suas pesquisas medo, trauma e relacionamento entre aluno e professor os mistérios que ainda hoje são estudados por pesquisadores e cientistas.
Uma das contribuições de Freud para educação foi estudar que as ideias e sentimentos são armazenados na mente através de descarga de energia, essa energia se chama ‘’libido’’ de origem sexual, pois essa contribuição sobre as transformaçõesdos impulsos sexuais. Sendo assim a criança aprende através do prazer.
Isso remete diretamente com a nossa prática educacional, pois o professor deve trabalhar em cima daquilo que vai trazer prazer para o educando, já que para Freud a criança aprende aquilo que lhe de libido, ou seja, aquele aprendizado que lhe seja prazeroso.
Freud declara também que educador é aquele que deve buscar oequilíbrio e chega à conclusão de que o educador é uma profissão impossível, pois só pode ser pedagogo aquele que é capaz de penetrar na ‘’ psique infantil’’ o que para os adultos é uma missão impossível, pois somos incapazes de compreender nossa própria infância. Não se aprende sozinho: existe uma relação entre professor e aluno. O aprendizado supõe um relacionamento de mestre e aluno. Assim, omestre ganha um poder de influência sobre o aluno.
Sendo assim o educador para Freud tem um papel importantíssimo na educação e na construção do saber e do conhecimento. Por esse motivo o educador deve estar sempre revendo seus conceitos, e maneira de tratar e se relacionar com o educando, pois sabe-se que se alguma atitude for tomada de maneira errada pode se traumatizar o educando. Então omestre deve estar consciente de sua prática, atuando de forma a criar nos vínculos com seu educando. A criança começa então se preparar e atuar suas possibilidades de sobrevivência, apartes desse momento entra na vida da criança o ‘’professor’’ que vai conduzir uma nova forma de olhar a infância, e contrata fortemente que hoje se consegue educar uma criança sem usar uma disciplina severa e rígida:como se tinha antigamente.
Freud transforma a teoria do aparelho psíquico, para referi-se aos três sistemas da personalidade e introduz os conceitos de Id, Ego e Superego.
Onde o Id significa onde se localizam as pulsões do individuo. Ego são as estruturas da personalidade que se origina do id através do contato com o mundo. O Superego representa as restrições sociais internalizadas.
Para aeducação essa mudança foi de grande importância para que o educador possa ter esse conhecimento e assim possa compreende mais de perto o porquê de cada determinado comportamento que seu aluno tem. Conhecendo assim sua história e o meio em que ele está inserido.

Jean Piaget

Jean Piaget foi um dos mais importantes pesquisadores da educação e pedagogia, ele sempre procurava analisar como oconhecimento se desenvolve para além de suas origens biológicas herdadas. Piaget argumenta que esquemas inatos e reflexos existentes no nascimento da criança transformam-se em esquemas adquiridos.
Com estudo aprofundado e cuidadoso, Piaget acreditava na, maneira pela qual as crianças constroem suas noções fundamentais de conhecimento lógico, como tempo, espaço, objeto e causalidade, poderiam...
tracking img