Puericultura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2057 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ORIENTAÇÕES SOBRE O ACOMPANHAMENTO DO
CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO INFANTIL
(PUERICULTURA)

I- Introdução

O acompanhamento do crescimento e desenvolvimento, do nascimento até os 5 anos de idade, é de
fundamental importância para a promoção à saúde da criança e prevenção de agravos, identificando
situações de risco e buscando atuar de forma precoce nas intercorrências.
Açõesaparentemente simples, como, pesar, medir, avaliar aquisição de novas habilidades e utilizar o
cartão da criança, nem sempre são realizadas de forma correta e sistemática pelas equipes de saúde.
Para que estas ações contribuam para a melhoria da saúde infantil, é necessária a capacitação técnica
e o seguimento de normas já estabelecidas, bem como o trabalho integrado das equipes de atenção à
criança,articulando as ações básicas de saúde.
As propostas apresentadas a seguir, se inserem dentro da proposta de reorganização da Atenção à
Criança na SMSA-BH, que objetiva ampliar o acesso e garantir a qualidade do atendimento às crianças
(0 - 5 anos) através da organização do trabalho em equipes e da sistematização do atendimento.
II - Objetivos:

- sistematizar o acompanhamento do crescimento edesenvolvimento das crianças de 0 - 5 anos,
realizado pelas unidades de saúde;
- implantar novo calendário de atendimento à criança sadia, envolvendo atendimento intercalado entre
pediatra, enfermeira e grupo educativo, possibilitando o acesso das crianças aos serviços de saúde;
- instrumentalizar a equipe de saúde para realização do controle de crescimento e desenvolvimento,
definindo suasatribuições;
- capacitar equipe para identificar e captar precocemente crianças de risco (RN de risco, desnutridas)
para acompanhamento na unidade de saúde.

III - Organização do atendimento :

A - Equipe Básica:
Pediatra, enfermeiro e auxiliar de enfermagem.

B - Equipe de Apoio:
Profissionais de Saúde Mental, Saúde Bucal e outros especialistas quando necessário.

C - Fluxo deAtendimento:

A captação da criança para o controle de crescimento e desenvolvimento, deve ser o mais precoce
possível, sendo propostas as seguintes alternativas:

a) visitas às maternidades, realizadas por auxiliares de enfermagem treinadas, onde as mães
serão orientadas sobre cuidados com o recém-nascido, aleitamento materno e será agendado
atendimento para a unidade de saúde, mais próxima daresidência da mãe;
b) captação dos recém-nascidos que chegam às unidades de saúde para realização do teste do
pezinho, imunização, etc.;
c) visitas domiciliares para crianças nascidas com critérios de risco, identificados pelo SINASC, que
não compareceram na unidade de saúde nos primeiros 15 dias de vida;
d) orientação às gestantes acompanhadas nos centros de saúde para retorno ao serviço até 15dias após o parto para avaliação do RN e teste do pezinho;
e) divulgação dos serviços de atenção materno-infantil oferecidos pela SMSA-BH, através de
cartazes e folhetos, afixados e disponibilizados em maternidades, outros serviços de saúde,
creches, escolas, igrejas, ônibus, etc.

D - Calendário de Atendimento:

O calendário proposto para o controle do crescimento e desenvolvimento, decrianças sadias,
pressupõe a atuação de toda a equipe de atenção à criança, de forma intercalada, possibilitando
ampliação na oferta de atendimentos da unidade de saúde.

No caso de RN prematuros, de baixo peso, crianças desnutridas, e crianças apresentando patologias
agudas ou crônicas , este calendário poderá sofrer alterações, a critério da equipe de saúde e deverá
ser priorizado oacompanhamento pelo Pediatra, além das atividades educativas, imunização, teste do
Pezinho, etc.

SUGESTÃO DE CALENDÁRIO PARA PUERICULTURA

IDADE

ATIVIDADE

1o ANO DE VIDA
05 dias

consulta enfermagem (teste do pezinho)

01 mês

consulta pediátrica

02 meses

grupo educativo

03 meses

consulta enfermagem

04 meses

consulta pediátrica

05 meses

grupo educativo

06...
tracking img