psicopatologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5043 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de setembro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
Artigo
RESUMO
A partir de sua experiência clínica em diversos campos de atuação, a autora visa a refletir
sobre apsiquiatrização do discurso e a medicalização na infância. Indaga de que modo o
saber médico-psiquiátrico foi respondendo às demandas sociais
a ele endereçadas, cuja resposta, atualmente, se reduziu ao
diagnóstico do desvio comportamental e sua tentativa de normatização, viamedicação. Para
tanto, retoma a história da psiquiatria infantil e da clínica
médica com crianças, discutindo
de que modo o discurso médicopsiquiátrico, através de seusdispositivos disciplinares, vem sendo convocado a responder sobre
o mal-estar que a infância introduz no projeto social na atualidade.
Descritores: psiquiatrização
do discurso; medicalização; infância.

Dossiê
Dossiê

AFABRICAÇÃO DA
LOUCURA NA
INFÂNCIA:
PSIQUIATRIZAÇÃO DO
DISCURSO E
MEDICALIZAÇÃO DA
CRIANÇA

Michele Kamers

A

temática relativa à psiquiatrização do discurso e à
medicalização na infância se colocou a nós a partir da atuação em
um projeto denominado “Serviço Infantil” – no qual realizamos,
conjuntamente com uma equipe composta por vários profissionais,
um trabalho de escuta namodalidade de grupo de pais, de crianças
e de adolescentes –, de nossa atividade como supervisora do Cen-

Psicanalista, professora do Departamento de Psicologia da Universidade Regional de
Blumenau (FURB) e do Curso de Psicologia do Instituto Blumenauense de Ensino
Superior (IBES-SOCIESC). Coordenadora do Serviço Infantil e da Pós-Graduação em
Psicologia Hospitalar e da Saúde do Hospital SantaCatarina, Blumenau, SC, Brasil.

153

09_Art 5 Estilos 18-1.pmd

153

10/4/2013, 11:01

tro de Atenção Psicossocial Infantil (CAPS Infantil) e do trabalho desenvolvido com crianças e adolescentes em nossa clínica privada.
Por meio destes três campos de atuação, percebemos que a lógica circunscrita em torno dos encaminhamentos realizados pelas diversas instâncias que
demandam tratamentopara a criança consiste em um ciclo repetitivo: a escola,
confrontada com as dificuldades de aprendizagem ou indisciplina da criança,
solicita à família uma intervenção. Diante da “dita” insuficiência da intervenção parental, a escola, ou encaminha a criança ao neuropediatra ou psiquiatra
infantil, ou aciona o conselho tutelar, alegando negligência familiar. Em nossa
experiência no consultórioprivado, em que atendemos uma clientela de nível
socioeconômico mais favorecido, a situação não é muito diferente, com exceção de um aspecto: a vulnerabilidade frente à tutela e vigilância do Estado.
Nesse caso, as crianças são encaminhadas pela escola ao psicólogo, que, por
sua vez, encaminha a criança ao neuropediatra, que prescreve a medicação –
geralmente ritalina, concerta ou risperidona.Em outras ocasiões, a escola nem
chega a encaminhar ao psicólogo, mas diretamente ao neuropediatra ou psiquiatra infantil, que identifica na criança um quadro de TDAH (Transtorno de
Deficit de Atenção e Hiperatividade), ou de transtorno opositivo, prescrevendo o tratamento farmacológico.
As situações acima mencionadas nos permitem efetuar as seguintes considerações: 1) a escola tem se tornado odispositivo regulador da inclusão/exclusão da criança no domínio do saber médico-psiquiátrico; 2) o saber e a intervenção médica e farmacológica são assegurados pelos dispositivos sociais
disciplinares, tais como as escolas, as unidades de saúde e as clínicas privadas; 3)
a medicação tornou-se a principal forma de tratamento utilizada pela medicina
para responder às demandas sociais realizadas,fundamentalmente, pelas instituições de assistência à infância.
Trata-se de constatações que nos levam a refletir sobre a função que a
medicalização da criança – entendida como dispositivo médico-disciplinar –
vem cumprindo para as instituições de assistência à infância na atualidade.

Das ilusões psicopedagógicas ao Real do discurso
médico-psiquiátrico

Com base nas considerações...
tracking img