Psicologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4043 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
882
DESCORTINANDO O CONCEITO DE INFÂNCIA NA HISTÓRIA: DO PASSADO À CONTEMPORANEIDADE Sandro da Silva Cordeiro Universidade Federal do Rio Grande do Norte Maria das Graças Pinto Coelho Universidade Federal do Rio Grande do Norte RESUMO Para compreendermos as mais recentes configurações impostas à infância temos necessariamente que retroceder ao passado, buscando nos aspectos históricos algumasrespostas para o presente. Partindo deste entendimento, a idéia de criança pode ser considerada a partir de uma noção histórica e cultural construída, a qual veio sofrendo diversas alterações percebidas no transcorrer dos tempos. Cada época tratou de proferir um discurso que revela em sua essência os ideais e expectativas depositadas na criança, tendo tais discursos conseqüências sobre essesindivíduos em formação. Essa conceituação, tal como a encontramos na atualidade é recente e seu surgimento está atrelado à noção de família e ao desenvolvimento da educação escolar a partir do século XVII. Recorrendo-se a definição da palavra infância, oriunda do latim infantia, significa “incapacidade de falar”. Considerava-se que a criança, antes dos 7 anos de idade, não teria condições de falar, deexpressar seus pensamentos, seus sentimentos. Desde a sua gênese, a palavra infância carrega consigo o estigma da incapacidade, da incompletude perante os mais experientes, relegando-lhes uma condição subalterna diante da sociedade. Era um ser anônimo, sem um espaço determinado socialmente. Este trabalho visa refletir acerca do conceito de infância ao longo da historiografia humana, extraindo destesacontecimentos registrados a percepção sobre as crianças em seus diferentes períodos, culminando com as suas atuais determinações desveladas em nossa contemporaneidade, influenciada principalmente pela sociedade da informação e do consumo. Para tanto, recorremos a algumas fontes bibliográficas ligadas tanto a história da educação, quanto a alguns autores que dialogam sobre as questões envolvendo aatualidade, vinculadas as correntes da sociologia e da comunicação social. Desse modo, perpassa várias áreas do conhecimento, tornando-se fundamental esta reflexão na busca de uma compreensão acerca da visão construída hoje sobre o ser criança. Neste espaço mutante e efêmero, a noção de infância adquiriu uma nova roupagem, incorporando uma reestruturação que lhe confere um outro status. A criançadesses novos tempos possui outras características, necessidades não encontradas outrora, aspirações estas fruto da recente ordem estabelecida mediante os ditames da globalização e do neoliberalismo. Neste contexto, as mídias se configuram como elementos fornecedores de uma considerável quantidade de informações disponíveis através de diferentes suportes. Isso contribuiu, direta e indiretamente,na montagem dessa nova fase da infância, na qual a criança é encarada como um sujeito receptor e consumidor em potencial. Diferentemente do protótipo de criança desenvolvidos nos séculos anteriores a criança, calcado no mito da infância feliz deste novo milênio, possui um espírito mais independente, pois desenvolveu uma série de habilidades no contato a mídia. No entanto, ainda precisa da açãointerventora e mediadora do adulto, no sentido de conduzi-la na elaboração das estratégias de percepção da realidade, auxiliando-a nas suas escolhas, na constituição de princípios e valores baseados na justiça e na solidariedade, proporcionando a construção de um olhar crítico frente o mundo circundante. Desse modo, percebe-se que todos os acontecimentos ocorridos na história da infância serviram paraestruturar uma nova caracterização da criança, do ponto de vista sociológico, como um componente histórico-cultural moldada por condicionantes econômicos e políticos atuando diretamente sobre ela. Considerando tais elementos, encaramos esta fase da vida humana como detentora de direitos, dotada de competências e capacidades a serem aprimoradas

883
TRABALHO COMPLETO Introdução O mundo...
tracking img