Psicologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (469 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Ciências Sociais e Humanas

Curso de Radiologia



COMUNICAÇÃO E COMPREENSÃO EM SAÚDE
• “Qual é a diferença entre médicos e cientistas? E não falo no salário-PESSOAS. Se queremos ser médicostemos que tocar nas pessoas”. • “È importante Conseguir o respeito e a confiança do doente.” • Se tratamos a doença perdemos ou ganhamos. Se tratamos as pessoas, ganhamos sempre. • “A indiferença é apior doença”



COMUNICAÇÃO E COMPREENSÃO EM SAÚDE

Qual a relevância da comunicação Profissional de Saúde-doente nos Serviços de Saúde?



COMUNICAÇÃO E COMPREENSÃO EM SAÚDE
• RelaçãoTécnico de saúde-paciente:
– A relação inicia-se sempre com base numa situação de fragilidade do paciente; – O estabelecimento da relação empática é de extrema importância; – Atitude humanizada doprofissional de Saúde deve ser de acolhimento; – É frequente atitudes defensivas por parte do paciente (negam a doença, procuram processos de cura alternativos ou encaram a doença como uma sentença demorte… ); – Sentimentos Ambivalentes envolvidos na relação • Raiva/ Serenidade • Medo/ Coragem • Indiferença/ Interesse • Insegurança/ Segurança • Desconfiança/ Confiança


COMUNICAÇÃO E COMPREENSÃOEM SAÚDE
• O que o paciente espera da Relação com o Técnico de Saúde:
– Segurança: necessita de se sentir seguro para confiar no técnico de forma a se expor física e psicologicamente; – Validação:precisa de sentir que é valorizado como pessoa pelo técnico; – Aceitação: O paciente procura sempre ser aceite pelo técnico de saúde que o compreende e entende a sua situação; – Auto-definição: temnecessidade de se afirmar como pessoa e procura que o técnico aceite a sua história pessoal. – Impacto sobre o outro: espera que o técnico de saúde se sensibilize:, isto é demonstrar compaixão se opaciente está triste, fornecer protecção se ele está assustado, leva-lo a sério se está com raiva, ou compartilhar se o mesmo está alegre. Nunca desvalorizar o que o paciente está a sentir. – Iniciativa:...
tracking img