Psicologia - transtornos alimentares

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3693 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 Introdução


Atualmente, os Transtornos Alimentares têm sido alvo de estudos, debates, pesquisas e da mídia. O crescente interesse pelo assunto é importante para sua divulgação. Como na maioria das vezes as informações são superficiais, a preocupação dos profissionais que trabalham com este público vêm aumentando pois há uma distorção no verdadeiro sentido da doença, causando umabanalização pela sociedade. Uma vez que o tratamento dos Transtornos Alimentares compreende uma equipe multidisciplinar de profissionais, inclusive o psicólogo, é de fundamental importância que os alunos do curso de Psicologia tenham, ao menos, um conhecimento básico à cerca das origens e manifestações dos principais sintomas apresentados nestes quadros e seus tratamentos.
Através de umquestionário estruturado pretende-se avaliar o nível de conhecimento dos alunos a partir do número de respostas certas assinaladas, podendo assim fazer uma comparação com os itens retirados das fontes utilizadas. As mesmas encontram-se na referência bibliográfica.
A referida pesquisa se destina à todos os concluintes do curso de psicologia da FIR, no intuito de verificar o conhecimento sobre oassunto aqui abordado.


















2 ELEMENTOS-GUIA DO PROJETO

2.1 O OBJETO DA PESQUISA
Esta pesquisa tem como objeto os Transtornos Alimentares.

2.2 O PROBLEMA DA PESQUISA
Quais os principais conhecimentos demonstrados pelos alunos concluintes de psicologia à cerca dos Transtornos Alimentares?


2.3 OBJETIVOS
2.3.1 Objetivo Geral
Identificar o nível deconhecimento dos alunos sobre as manifestações e origens dos Transtornos Alimentares.

2.3.2 Objetivos Específicos
a) Listar os principais conhecimentos introdutórios dos alunos sobre os Transtornos Alimentares.

b) Apontar os principais conhecimentos aprofundados dos alunos sobre os Transtornos alimentares.

c) Mostrar os principais conhecimentos aplicados à experiênciaprática profissional dos alunos sobre os Transtornos Alimentares.



2.4 HIPÓTESES

Dentre os principais referenciais apresentados pelos estudantes de psicologia inscrevem-se:

a) Surgimento do transtorno, como uma imposição cultural, ou seja, culto ao corpo.

b) Os Transtornos Alimentares são desencadeados a partir de problemas familiares.

c) Dedução dosTranstornos Alimentares a partir dos principais sintomas, como: comer compulsivo seguido de vômito, deformação da auto-imagem, voracidade fágica, pouca ingestão de alimentos ou dietas severas, excesso de exercícios físicos como mecanismo de compensação.

d) Prática freqüente de dietas como desencadeadora do transtorno.



2.5 DEFINIÇÃO DE TERMOS

a) Anorexia Nervosa: é umtranstorno caracterizado por deliberada perda de peso induzida e/ou mantida pelo paciente.

b) Bulimia Nervosa: é uma síndrome caracterizada por repetidos ataques de hiperfagia e uma preocupação excessiva com controle de peso corporal.

c) Hiperfagia: É um episódio em que o indivíduo com bulimia tem ataques de excesso alimentar, incluindo na maioria das vezes doces e alimentos com altoteor calórico, tais como sorvetes ou bolos.

d) Compulsão: Impulso muito forte e até irresistível que leva o indivíduo a fazer algo que lhe parece indesejável, errado ou fora dos limites da razão e que se repete de maneira perseverante, objetivando evitar a angústia.

e) Pica: o comer persistente de substâncias não nutritivas (como terra, lascas de pintura, etc.). Pode ocorrercomo um dos muitos sintomas de um transtorno psiquiátrico.



2.6 DEFINIÇÃO DAS VARIÁVEIS

a) A possibilidade de opção por trabalhar na área.

b) A existência de um caso na família ou alguém próximo.

c) Estudo ou pesquisa de interesse pessoal.

d) Apresentação da doença pelo próprio estudante.









3 REFERENCIAL TEÓRICO

3.1...
tracking img