Psicologia social

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2413 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DA AMAZÔNIA OCIDENTAL – FAAO
CURSO: CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÃO

NATAN DA SILA TONELLO

PSICOLOGIA SOCIAL



Rio Branco/AC
2013

NATAN DA SILVA TONELLO

PSICOLOGIA SOCIAL



Trabalho apresentado como requisito parcial para obtenção de aprovação na disciplina de Psicologia no Curso de Ciências Contábeise Administração, na Faculdade da Amazônia Ocidental - FAAO |


Orientador: Prof João Auricélio

Rio Branco/AC
2013

INTRODUÇÃO

O presente trabalho traça uma breve síntese da Psicologia Social mostrando seus principais pontos como: teoria geral, história, visão socióloga e seus fenômenos.
Analisando os princípios da psicologia social podemos compreender os “como” e “porquês” docomportamento social. A interação social, a interdependência entre os indivíduos e o encontro social. Seu campo de ação é, portanto o comportamento analisado em todos os contextos do processo de influência social.
Nós, os seres humanos somos animais sociais. Vivemos em grupos, sociedades e culturas. Organizamos as nossas vidas em relação com outros seres humanos e somos influenciados pela história,pelas instituições e pelas atividades. Se há quem exalte ou quem condene a sociedade, não restam dúvidas de que os outros desempenham grande importância nas nossas vidas. No fundo, o estudo das pessoas enquanto animais sociais é o que a Psicologia Social aborda. O que a Psicologia Social faz é revelar os graus de conexão existentes entre o ser e a sociedade à qual ele pertence, desconstruindo aimagem de um indivíduo oposto ao grupo social. Um postulado básico dessa disciplina é que as pessoas, por mais diversificadas que sejam, apresentam socialmente um comportamento distinto do que expressariam se estivessem isoladas, pois imersas na massa elas se encontram imbuídas de uma mente coletiva. É esta instância que as leva a agir de uma forma diferente da que assumiriam individualmente. Paramuitos a psicologia social é o estudo do comportamento em interação social e para outros é a dimensão subjetiva dos fenômenos social.
Assim, vamos apresentar nesta síntese, separadamente, cada uma dessas psicologias sociais, vamos mostrar as dicotomias existentes nessa área da psicologia e mostraremos a importância desses estudos para nossas vidas na sociedade, mas antes vamos uni-las para falar dahistória e seus principais conceitos.

PSICOLOGIA SOCIAL – DEFINICÃO E ORIGEM

A psicologia social surgiu para estabelecer uma ponte entre a psicologia e a sociologia. O seu objeto de estudo é o comportamento dos indivíduos quando estão em interação. Ela também pode ser definida como o condicionamento que os processos mentais impõem à vida social do homem, ao mesmo tempo que as diversas formasda convivência social influem na manifestação concreta dos mesmos. Psicologia social tem a tarefa de estudar a experiência psicológica do indivíduo dentro de um grupo, a unidade de análise em psicologia social é o indivíduo na sociedade, ou como um membro de um grupo, o indivíduo em relação a outros. Assim, a psicologia social é um estudo das manifestações comportamentais suscitadas pelainteração de uma pessoa com outras pessoas, ou pela mera expectativa de tal interação. A interação social, a interdependência entre os indivíduos e o encontro social são os objetos investigados por essa área da psicologia.
A psicologia social aborda as relações entre os membros de um grupo social, portanto se encontra na fronteira entre a psicologia e a sociologia. Ela busca compreender como o homem secomporta nas suas interações sociais. Para alguns estudiosos, porém, a comparação entre a Psicologia Social e a Sociologia não é assim tão simples, pois ambas constituem campos independentes, que partem de ângulos teóricos diversos. Há, portanto, uma distância considerável entre as duas, porque enquanto a psicologia destaca o aspecto individual, a sociologia se atém à esfera social.

HISTÓRIA...
tracking img