Psicologia social

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1338 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ANHANGUERA-UNIDERP
CENTRO DE ENSINO A DISTÂNCIA

CLAUDINÉIA ROJAS – RA 253978
CLEONICE DA SILVA BRAGA RIBEIRO – RA 254126
FERNANDA KELLY MACHADO GOMES – RA 235308
KEYSA MARIA DE OLIVEIRA COLOMBO – RA 219994
MARIA SOLANGE RAMOS COSTA – RA 272889

PSICOLOGIA SOCIAL

CAMPO GRANDE – MS
CURSO DE SERVIÇO SOCIAL
2011

CLAUDINÉIA ROJAS – RA 253978
CLEONICE DA SILVA BRAGARIBEIRO – RA 254126
FERNANDA KELLY MACHADO GOMES – RA 235308
KEYSA MARIA DE OLIVEIRA COLOMBO – RA 219994
MARIA SOLANGE RAMOS COSTA – RA 272889

PSICOLOGIA SOCIAL

Trabalho elaborado com a finalidade de cumprir o Desafio de Aprendizagem, como atividade do Módulo: Psicologia Social, do Curso de Serviço Social.Orientadora: Prof: Márcia Zamberllan.

CAMPO GRANDE – MS
CURSO DE SERVIÇO SOCIAL
2011

INTRODUÇÃO:

O filme “pescador de ilusões”, nos mostra a vida de duas pessoas com valores totalmente diferentes, um é o radialista um sujeito ambicioso, egocêntrico que não tem respeito e consideração com as pessoas, nem com seus ouvinte e muito menos com sua namorada. Logo após um de seus programas umde seus ouvintes assassina várias pessoas e em seguida se suicida, é onde começa a ruína do radialista,ficando sem o poder que tanto da valor ,nem mesmo assim ele deixa de ser arrogante com as pessoas inclusive com sua namorada que sempre lhe da apoio. Chegando ao fim do poço, ele é confundindo como um mendigo, é agredido, mas por sorte é salvo pelos verdadeiros mendigos, um deles sendo um homemculto, cheio de imaginações, mesmo assim Jack continua sendo o mesmo arrogante. Enfim ele procura saber quem é aquele homem que o ajudou e descobri que é um professor e que ficou assim depois que viu sua mulher ser assassinada, então ele descobre que quem a matou foi um de seus ouvintes, Jack resolve ajudá-lo não por gratidão e sim por se achar culpado, com todas essas descobertas ele faz de tudopara ajudar esse homem até mesmo entrando em suas fantasias.
Enfim, o radialista passou a valorizar as pequenas coisas e a enxergar as pessoas com mais respeito e principalmente com elas são.

DESENVOLVIMENTO:

MUDANÇAS DE VALORES E ATITUDES:

A qualidade das nossas relações com as pessoas depende em grande medida da nossa capacidade de perceber adequadamente o comportamento dopróximo. A pessoa que, continuamente, busca uma maior consciência sobre si, e sobre o outro e o mundo, tem maior probabilidade de perceber as situações e de se relacionar, diferentemente daquela que se comporta de maneira rígida, preconceituosa, em face dos valores dos outros, quando estes são diferentes dos seus, uma pessoa que valoriza a integridade e competência, suas escolhas, decisões eimplementações serão sustentadas por esses valores. Os valores e atitudes dos seres humanos são fundamentos morais e espirituais da consciência humana, todos nós podemos e devemos tomar conhecimento dos nossos valores e atitudes. Muito das causas que afligem a humanidade está na negação de seus valores e nas suas atitudes, o que a Psicologia Social faz é revelar os graus de conexão existentes entre oser e a sociedade à qual ele pertence, desconstruindo a imagem de um indivíduo oposto ao grupo social. Para Krech, ao enfrentar os problemas na tentativa de satisfazer suas necessidades, o indivíduo desenvolve atitudes. Elas são favoráveis diante de objetos e pessoas que satisfazem as suas necessidades e desfavoráveis diante de objetos e pessoas que o impedem de atingir seus objetivos e são elasque modelam as informações a que o indivíduo está exposto.
O filme nos conduz a reflexão de nossa forma de levar a vida sempre rígida estressante, sem se permitir fantasiar, imaginar e criar um mundo encantado. É uma história que trata dessa busca incansável pelo sentido da vida e da luta interminável por um lugar ao sol, a humanização do egoísta ser humano, o rompimento com o tudo, querer...
tracking img