Psicologia nas organizações: situação da formação e das atividades de trabalho

Páginas: 12 (2936 palavras) Publicado: 19 de novembro de 2010
|
|
NOME DO ALUNO |
|
PSICOLOGIA NAS ORGANIZAÇÕES: SITUAÇÃO DA FORMAÇÃO E DAS ATIVIDADES DE TRABALHO |
Trabalho apresentado à professora XXXXXXX como requisito avaliativo da disciplina de Psicologia nas Organizações. |
VILA VELHA2010 |

APRESENTAÇÃO

Neste trabalho estamos relatando o processo da formação acadêmica de alunos que cursam Psicologia. Porém, relata todo o processode criação, modificação e até mesmo a continuação do ensino, onde muitos alunos criticam, por considerar um curso fraco, com pouco estimulo.
Visualiza-se desde o inicio do estudo, o desenvolvimento do aluno no curso, sua perspectiva, sua formação e enfim sua saída para o mercado. Onde estes acabam optando por diversos caminhos, nos quais muitos contradizem o motivo no qual o seu curso o guiou.Por fim compararemos a formação de Psicologia, com a formação da Administração apontando alguma igualdade, inferioridade ou superioridade, tanto no curso quanto na formação.

RESUMO
SITUAÇÃO DA FORMAÇÃO E DAS ATIVIDADES DE TRABALHO

O objetivo desta é reavaliar e propor transformações para que se tente um passo além das denúncias que constitui uma responsabilidade ética e política e umainevitável exposição às críticas, às concordâncias e às discordâncias. Representa também uma tentativa de prestação de contas à sociedade – sociedade que investe para a geração de um profissional descontente com seu próprio papel. Por meio da reflexão que se abre para o debate das comunidades científica e profissional, tem-se uma via para descobertas que possam representar encaminhamentos coerentescom propósitos daqueles que se preparam para o exercício e daqueles que exercem Psicologia nas organizações.
Borges-Andrade e colaboradores (1983, p. 110), em pesquisa realizada com psicólogos do Distrito Federal, utilizando uma escala de suficiência contendo cinco pontos, encontraram 32,4% dos pesquisados que “julgaram seu curso como bastante ou totalmente insuficiente”. Se a situação permanecere pode ser generalizada para outras regiões do País, como ausência de intervenções relevantes nos cursos de Psicologia parece permitir que assim se pense, a avaliação de quase um terço dos profissionais quanto à sua formação como bastante ou totalmente insuficiente requer, sem dúvida, providencias imediatas.
É preciso criar condições de sistematização a partir dos problemas existentes e do que jáse conhece a respeito deles. Conforme postula Gomide (1988, p. 85), “enxergar melhor a realidade favorece, sem dúvida alguma, a escolha dos caminhos mais adequados...”. Na visão de Duran (1983, p. 13), “(...) temos de nos voltar para nossos cursos, analisar cuidadosamente as variáveis envolvidas e experimentar”.
Os estudos, em grande parte, descrevem o que tem sido feito ou se faz na formação ena atuação dos psicólogos. Há considerável quantidade de dados e muitas interpretações foram apresentadas. “O que falta de conhecimento e de atuação pode ser a próxima etapa a ser desenvolvida nos estudos a respeito do exercício profissional” (Botomé, 1988, p. 286).
O objetivo concentra-se em identificar e analisar as necessidades derivadas das atividades de trabalho do psicólogo organizacionalbrasileiro e suas inter-relações com formação profissional, suas condições e implicações. O procedimento empregado na pesquisa dividiu-se em duas fases: (1) coleta e estruturação dos conteúdos verbais e (2) sistematização dos conteúdos verbais em conjuntos temáticos e estabelecimento das inter-relações entre os conteúdos.
Por meio de situações e problemas típicos do exercício profissional, deatividades potenciais que, por alguma razão, não são desenvolvidas, dos conceitos e instrumentos comumente utilizados, das expectativas e necessidades daqueles que são envolvidos pela ação profissional, e assim por diante, pode-se deduzir as atitudes, os conhecimentos e as habilidades necessárias no preparo do profissional. As atividades de trabalho, conforme imaginadas, em concordância com Botomé,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Psicologia das organizações e do trabalho
  • Trabalho psicologia das organizações
  • Psicologia do trabalho e organizações
  • Trabalho de psicologia das organizações
  • Trabalho de psicologia nas organizações
  • Psicologia organizacional e do trabalho nas organizações
  • Psicologia, Organizações e trabalho
  • Psicologia, Organizações E Trabalho No Brasil.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!