Psicologia na idade media

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (374 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de fevereiro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Às vésperas da era cristã, surge um novo império que iria dominar
a Grécia, parte da Europa e do Oriente Médio: o Império Romano. Uma
das principais características desse período é o aparecimento edesenvolvimento do cristianismo — uma força religiosa que passa a força
política dominante. Mesmo com as invasões bárbaras, por volta de 400
d.C, que levam à desorganização econômica e aoesfacelamento dos
territórios, o cristianismo sobrevive e até se fortalece, tornando-se a
religião principal da Idade Média, período que então se inicia. [pg. 34]
E falar de Psicologia nesse período érelacioná-la ao conhecimento
religioso, já que, ao lado do poder econômico e político, a Igreja Católica
também monopolizava o saber e, conseqüentemente, o estudo do
psiquismo.
Nesse sentido, doisgrandes filósofos representam esse período:
Santo Agostinho (354-430) e São Tomás de Aquino (1225-1274).
Santo Agostinho, inspirado em Platão,
também fazia uma cisão entre alma e corpo.
Entretanto,para ele, a alma não era
somente a sede da razão, mas a prova de
uma manifestação divina no homem. A alma
era imortal por ser o elemento que liga o
homem a Deus. E, sendo a alma também a
sede dopensamento, a Igreja passa a se
preocupar também com sua compreensão.
São Tomás de Aquino viveu num
período que prenunciava a ruptura da Igreja
Católica, o aparecimento do protestantismo — umaépoca que preparava
a transição para o capitalismo, com a revolução francesa e a revolução
industrial na Inglaterra. Essa crise econômica e social leva ao
questionamento da Igreja e dos conhecimentosproduzidos por ela.
Dessa forma, foi preciso encontrar novas justificativas para a relação
entre Deus e o homem. São Tomás de Aquino foi buscar em Aristóteles a
distinção entre essência e existência.Como o filósofo grego, considera
que o homem, na sua essência, busca a perfeição através de sua
existência. Porém, introduzindo o ponto de vista religioso, ao contrário de
Aristóteles, afirma...
tracking img