Psicologia na amplitude do conhecimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1450 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
“O ideal da educação não é aprender ao máximo, maximizar os resultados, mas é antes de tudo aprender a aprender, é aprender a se desenvolver e aprender a continuar a se desenvolver depois da escola”. Jean Piaget




“Um dos maiores danos que se pode causar a uma criança é levá-la a perder a confiança na sua própria capacidade de pensar”. Emília ferreiroPsicologia na amplitude do conhecimento


Atualmente quando falamos na ¨Psicologia da Educação¨ incluem à ideia de que abordamos vários temas, tais como: psicologia da educação, psicopedagogia, psicologia escolar,psicologia social,etc
Sendo assim a Psicologia da Educação é o objeto de estudo que auxilia o professor quanto ao aluno, já que sua referencia fundamentalé o ¨homem¨ como seu objeto de estudo. no entanto podemos notar que:ajuda o professor por meios da teorias educacionais, podendo identificar problemas em sala de aula:Por exemplo um aluno quieto demais, ou um aluno hiperativo demais, o professor por sua vez usa da psicologia para aplicar tarefas relacionadas e resolver problemas no processo de ensino aprendizagem.
O Objeto daPsicologia da Educação, apesar de não haver um consenso, é a analise, promoção do educador e educando, assim com a relação entre ambos em situação educativa, através de métodos cientifico. Também não há concesso na distensão entre a Psicologia da Educação e a Psicologia Educacional. D e forma geral considera se a psicologia da educação uma disciplina mas pratica, visando resolver os problemasconcretos que surge nas escolas ao nível dos alunos, professores, da relação entre ambos dos pais na sua interação coma escola enquanto que a psicologia educacional esta mas voltada para a investigação.


A EMERGENCIA DA PSICOLOGIA ENQUANTO CIENCIAS


A psicologia como ciências começou-se a partir de cem anos, sendo a sua regulamentação, enquanto profissão no brasil, noano de 1962, pela lei 4,119 de 27/08/1962.
Embora a Psicologia seja uma área de conhecimento que realize estudo baseados em comprovação rigorosa, pois a ciências está aí para observar ,analisar e construir teorias sobre o nosso cotidiano. Todas as grandes teorias psicológicas foram criadas pelo fato do homem possuir vontade de entender si mesmo e suas relações a partir do dia -a -dia.A ciências psicológicas excluem toda a concepção que não tiver sido submetida a estudo e comprovação rigorosa, que desconfia de tudo que é considerado natural sobre as pessoas. Já que mesmo antes de existir uma ciências o homem sempre buscou conhecer a se mesmo. Essa primeira busca esta referida - se na Grécia Antiga.
A primeira doutrina sistemática, por tantos dofenômenos da vida foi pensada na Grécia Antiga por Aristóteles. Para Aristóteles a ideia e a alma, seria independente do tempo do espaço da matéria e logo imortal.
Aristóteles( 384-322 a c)e visto como filosofo que tinha qualificado, pela primeira vez, a observação com forma de se explicar os eventos naturais, que os seus meios de investigação também eram basicamente racionalista.Sócrates (472- 395) mostra muito bem o mérito de questionamento lógicos, Platão com sua abordagem racional do mundo, pela existência da s ideias que justificam o mundo real.
A psicologia no império romano e na idade media destacam o pensamento de Tomas de Aquino (1224-1275).o pensamento de Aristóteles sobre a determinação das relações corpo alma e as questões relacionadas as diferentesfunções psíquicas, possibilitou a este santo da igreja medieval uma união da psicologia aristotélicas com a doutrina da igreja.
Porem convém lembrar que par são Tomas de Aquino, a lama não era sede da razão, mas a manifestação divina no homem, uma vez que a alma e imortal por ter ligado a Deus.
Renê Descartes (1596-1650), para descartes, o homem seria construído de duas...
tracking img