Psicologia juridica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (328 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DO OESTE DE SANTA CATARINA
CAMPUS APROXIMADO DE MARAVILHA
CURSO DE DIREITOACADÊMICAS:
PSICOLOGIA JURÍDICA
PROFESSOR: SANDRO RODRIGO STEFFENS
QUESTÕES
1- O que é ID?
Resposta: O “ID” correspondente à sua noção inicial de inconsciente, seria a parte mais primitiva e menosacessível da personalidade,o grande reservatório de impulsos e instintos. Não avalia as conseqüências que podem trazer tais impulsos. E para conseguir o que deseja precisa fazer uma negociação com o “EGO”.2- O que é principio do prazer para Freud?
Resposta: é o desejo de gratificação imediata. Tal desejo conduz o indivíduo a buscar o prazer e evitar a dor.
3- Exemplifique a atuação doprincipio do prazer utilizando Seus conhecimentos de direito?
4- O principio do prazer conhece a realidade externa?
Resposta: Não, Enquanto o principio do prazer desconsidera a realidade e age demaneira impulsiva (um bom exemplo disto são as paixões), o principio da realidade leva em conta a mesma. 
5- O que é principio da realidade para Freud?
Resposta: O principio da realidade opõe-se aodo prazer, ele caracteriza-se pelo adiamento da gratificação.  Faz parte do amadurecimento normal do indivíduo aprender a suportar a dor e adiar a gratificação. Ao fazer isso, o indivíduo passa areger-se menos pelo princípio de prazer e mais pelo princípio de realidade.
6- Exemplifique a atuação do principio da realidade segundo o ordenamento jurídico?
Resposta:
7- O principio da realidadeanula o prazer?
8- A obediência ao ordenamento jurídico é principio do prazer ou principio da realidade? Justifique sua resposta.
9- Existe relação entre o principio da realidade e frustração?
10-O que representa a instancia mental denominada por Freud por Superego?
11- Qual a importância do superego adequadamente formado para a ordenação jurídica?
12- Pode se afirmar que o superego,...
tracking img