Psicologia hospitalar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7009 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO

A psicologia hospitalar tem construído sua história, passo a passo, considerando que há menos de duas décadas, a atuação do psicólogo em instituições hospitalares não estava regulamentada como uma ampla e necessária prática psicológica. Nos hospitais, em geral, a escuta terapêutica com usuários e familiares é imprescindíveis.
Este estudo pretende mostrar algunsaspectos da inserção do psicólogo atuando em hospitais, visando seus fundamentos e funções perante o local de trabalho, que se diferencia de todas as outras áreas da psicologia; perante as equipes de saúde; perante aos pacientes e situações que envolverão a prática do profissional no contexto hospitalar.

Palavras-chave: Psicologia Hospitalar, Equipes Multidisciplinares, Acidentes deTrânsito, Humanização, Gravidez, Reflexos e Doenças.

SUMÁRIO
Página
1. INTRODUÇÃO............................................................................................................... 3

2. PSICOLOGIA HOSPITALAR......................................................................................... 5
2.1Definição...................................................................................................................... 5
2.2 Histórico da Psicologia Hospitalar no Brasil................................................................. 5

3. ATUAÇÃO DO PSICÓLOGO HOSPITALAR................................................................. 6
3.1 Trabalho do Psicólogo nas Instituições de Saúde no Nívelde Atenção...................... 6

4. EQUIPE MULTIDISCIPLINAR/INTERDISCIPLINAR..................................................... 8

5. RELAÇÃO MÉDICO-PACIENTE-PSICÓLOGO........................................................... 10

6. PSICÓLOGO HOSPITALAR: UM ESPELHO DE REFLEXÃO.................................... 12
6.1 Ser um Espelho deReflexão...................................................................................... 13

7. PSICÓLOGO NA HOSPITAL MATERNIDADE........................................................... 13
7.1 Alto Risco na Maternidade......................................................................................... 14
7.2 Orientação Psicológica naGravidez.......................................................................... 15
7.3 Depressão Materna e o Impacto no Bebê.................................................................. 15
7.4 Depressão Pós-Parto................................................................................................. 16
7.5 Fobias doParto.......................................................................................................... 16

8. ABORDAGEM DO PSICÓLOGO EM VÍTIMAS DE ACIDENTESDE TRÂNSITO NO PRONTO SOCORRO...................................................................................................... 16

9. PROCESSO DE HUMANIZAÇÃO HOSPITALAR........................................................ 20

10.CONCLUSÃO............................................................................................................. 25

REFERÊNCIAS................................................................................................................ 26

INTRODUÇÃO
No desenvolver do percurso histórico, uma série de transformações desembocaram na atual noção institucional de hospital. Sob opeso da influência do cristianismo, este espaço destinou-se a receber e acolher o humano, seja por delicadeza, irmandade ou amizade. Assim, tal hospedagem (o próprio sentido etimológico da palavra hospital) sempre foi ligada a valores como caridade, solidariedade, compaixão e misericórdia.
Passamos então pela experiência racionalista, lançando-nos na crença quase que absoluta no...
tracking img