Psicologia da educação matemática

PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA


INTRODUÇÂO

O que me induziu à realização deste estudo foi o imenso gosto e interesse pela Psicologia e as experiências adquiridas na Educação Matemática.Fatores importantes que contribuíram decisivamente para que isso fosse possível: O primeiro, refere-se à disciplina Psicologia da Educação cursada no início da graduação em Licenciatura em Matemática eas dificuldades que fui encontrando no meio do meu trabalho, e além disso, algumas pesquisas realizadas por mim ao longo do meu percurso.

O objetivo deste trabalho é o avanço da ciênciamatemática, colaborar, orientar acadêmicos, bolsistas de iniciação cientifica e profissionais que trabalham com a educação matemática a melhor entender os fatores psicológicos que contribui para oaperfeiçoamento da ciência matemática.

Mas enfim, o que é psicologia da educação matemática? E o que ela pode oferecer de melhoria nesta ciência?

Segundo Falcão (2003), o grande marco do surgimento daPsicologia da Educação Matemática aconteceu em 1976 com o grupo internacional Psychology of Mathematics Education (PME), por ocasião do III International Congress on Mathematics Education (ICME), realizadoem Karlshure (Alemanha). É importante lembrar que vários pesquisas desta linha já tinham sido publicados nesta época, embora ainda não pertencessem categoricamente a este grupo. A Psicologia daEducação Matemática surge de um esforço da Psicologia (ou de algumas de suas ‘psicologias’) no sentido de oferecer suportes para a teorização no âmbito da Educação Matemática.
Nesta pesquisa bibliográfica,vou tentar realizar um breve levantamento em relação a Psicologia da Educação Matemática. Para isso, realizei um balanço entre pesquisas, considerando artigos publicados, monografias, dissertações eteses defendidas no decorrer dos anos.

O primeiro passo para a realização desta pesquisa foi consultar varias teses defendidas sobre este tema. Localizei vários trabalhos na área de Educação...
tracking img