Psicologia da aprendizagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6681 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Paulo Freire: Não só um método de alfbetização, mas sim uma leitura de mundo.
“A leitura da palavra é sempre precedida da leitura do mundo.”

Dissertação apresentada ao Curso de Graduação de Psicologia da Universidade de Guarulhos, como objetivo do estudo das teorias da aprendizagem.

Professora Dejanira Pinheiro

CARLA SETRA SANTOS
R.A: 2012090960
DOYGLAS VRENA SOUZA
R.A: 2012032359EVELYN CRUZ NASCIMENTO
R.A: 2012078367
JOÃO HENRIQUE MAGRI
R.A: 2012015616
MARIA IRANICE DA COSTA
R.A: 2012025450
VANESSA PEREIRA DE LIMA
R.A: 2012085908
YASMIN GOMES LIMA
R.A: 2012077930

Guarulhos
2012
SUMÁRIO

1. Introdução................................................................................................................3.
2. A vida de Paulo Freire:...........................................................................................5.
3. As ideias de Freire:..................................................................................................7.
4. Conceito de Teoria e Prática: ...............................................................................12.
5. Educação Problematizadora x Educação Bancária:............................................17.
6. O Método: .............................................................................................................22.
7. Considerações finais: ...........................................................................................26.
8. Referências bibliográficas:....................................................................................27.

1.INTRODUÇÃO
Paulo Freire foi um educador e filósofo brasileiro. Destacou-se por seu trabalho na área da educação popular, voltada tanto para a escolarização como para a formação da consciência. Contribuiu como poucos na reflexão do homem e seu compromisso com a sociedade. Este movimento de ser homem é pensado no seu percurso reflexivo que permite ser objetivado na medida em que, é passível de chegaraos espaços de formação de educadores, quer na formação inicial, quer na formação em serviço, a fim de torná-los capazes de transformações necessárias às práticas educativas e pedagógicas.
Autor de “Pedagogia do Oprimido”, um método de alfabetização dialético, se diferenciou do "vanguardismo" dos intelectuais de esquerda tradicionais e sempre defendeu o diálogo com as pessoas simples, não só comométodo, mas como um modo de ser realmente democrático. É considerado um dos pensadores mais notáveis na história da pedagogia mundial, tendo influenciado o movimento chamado pedagogia crítica.
Não se limitando a teorizar, mas empenhando-se para que estas questões tivessem repercussão positiva na sociedade humana em geral e na brasileira especificamente. O que faz dele um homem profundamentecomprometido com a sociedade, principalmente com as camadas populares. É por isso que Paulo Freire constitui um caminho seguro para a Educação Brasileira.
Nesse sentido, as ideias freireanas servem como orientação para o processo de formação docente no que se refere à reflexão crítica da prática pedagógica que implica em saber dialogar e escutar, que supõe o respeito pelo saber do educando ereconhece a identidade cultural do outro.
Hoje, mais que em outras épocas, se exige do educador uma postura alicerçada num processo permanente de reflexão que leve a resultados inovadores no trato da educação. Sem dúvida que, as contribuições de Paulo Freire levam o educador a consciência de si enquanto ser histórico que continuamente se educa num movimento dialético no mundo que o cerca. Não é, pois,por acaso que as ideias freireanas se articulam com os interesses na formação do educador, pois, não se perde de vista o caráter histórico do homem associado sempre à prática social.
É por essa ótica, tomando-se como critério de escolha a objetividade que explicita o pensamento pedagógico, antropológico e filosófico freireano, que destaco duas obras: Pedagogia do Oprimido e Educação como Prática...
tracking img