Psicologia aplicada ao direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2329 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
|13 – Aplicação prática e teórica dos conhecimentos |
| |
|Primeiro encontro: apresentação do vídeo: O que é Psicologia? : http://www.youtube.com/watch?v=yHkYHcG_E9g |
||
|Segundo encontro: Leitura dirigida |
|Psicologia científica e senso comum. |
|Objetos de estudo daPsicologia. Fenômenos psicológicos. |
|Por: Adelmo Senra Gomes(1) |
|Este ensaio tem por objetivo introduzir uma reflexão sobre a psicologia e o seu status de ciência. Contudo, para atingirmos |
|tal objetivo, importa que, inicialmente,examinemos os principais conceitos do que se convencionou chamar ciência, bem como |
|suas principais diferenças em relação ao senso comum. |
|O conhecimento científico fundamenta-se sobre os seguintes pressupostos: 1º. “A ciência é uma estrutura construída sobre |
|fatos.” (DAVIES apud CHALMERS, 1993, p.24); 2º O processo deobtenção, justificação e transmissão do conhecimento científico|
|orienta-se por uma rigorosa metodologia de pesquisa. Ou seja: observação, experimentação (ou outra qualquer técnica |
|científica de pesquisa); análise lógica, crítica e meticulosa dos fatos (é comum, inclusive, o emprego de instrumentos |
|matemáticos).(2)|
|Enquanto o senso comum habitualmente cinge-se aos dados imediatos, ou, então, procura explicações nem sempre profundas, o |
|conhecimento científico procura bases sólidas, justificações claras e exatas. Isso não é possível em todos os casos. A |
|tendência do cientista, porém, é se aproximar gradativamente de fundamentos fortes para seusconhecimentos. (LUNGARZO, 1993,|
|p.12) |
| |
||
| |
|3º. O conhecimento científico é sistêmico, organizado. As teorias científicas não devem ser contraditórias em si e entre si.|
|Diferentemente, o senso comum, não preza por tal rigor, sendo, normalmente, fragmentado, desorganizado e, por vezes, até ||contraditório. 4º. O conhecimento científico constrói explicações gerais e não particulares ou casuísticas. Não se faz |
|ciência de casos particulares, mas sim, do que há de regular e comum numa determinada classe de eventos. 5º. O conhecimento |
|científico busca prognosticar futuras ocorrências dos fatos estudados. Tais prognósticos científicos têm um caráter |
|probabilísticoe não determinísticos(3). |
|A ciência, em seu labor pelo conhecimento, desenvolve modelos explicativos(4) sobre os fatos estudados. Por serem modelos |
|são aproximações e não a “verdade” sobre os fatos. |
|Finalmente, as explicações...
tracking img