Psicofisiologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4622 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Substância Reticular
A formação reticular também conhecida como substância reticular consiste de um conjunto de neurônios de tamanhos e tipos diferentes separados por uma rede de fibras nervosas que ocupa a parte central do tronco encefálico. Dentro dela, são encontrados agrupamentos de neurônios formando núcleos, como núcleos da rafe – núcleos encontrados no tronco cerebral e que tem afunção de secretar para o resto do cérebro -, distribuídos na linha mediana do tronco encefálico.
A formação reticular tem uma estrutura que não corresponde exatamente à substância branca ou cinzenta, ela é, de certo modo, intermediária entre elas. É uma região muito antiga do sistema nervoso, que, embora pertencendo basicamente ao tronco encefálico, se estende um pouco ao diencéfalo eaos níveis mais altos da medula, onde ocupa uma pequena área do funículo lateral. No tronco encefálico ocupa uma grande área, preenchendo todo o espaço que não é preenchido pelos tractos, fascículos e núcleos de estrutura mais compacta.
Até o início do século, não se sabia quase nada sobre formação reticular. Mas com os trabalhos de Moruzzi e Magoun (1949), que mostraram seu importantepapel na ativação do córtex cerebral, uma verdadeira corrida de pesquisas sobre esta área se iniciou. Pesquisas citoarquiteturais – mostraram que a formação reticular não tem estrutura homogênea, podendo-se delimitar grupos mais o menos bem definidos de neurônios, que estão nos núcleos da formação reticular. Entre eles, destacam-se por sua importância funcional os seguintes:
a) Núcleos darafe – conjunto de oito núcleos, entre os quais um dos mais importantes é o nucleus raphe Magnus, que se dispõe ao longo da linha mediana (rafe mediana) em toda extensão do tronco encefálico. Os núcleos da rafe contêm neurônios ricos em serotonina.

b) Locus ceruleus – este núcleo apresenta células ricas em norodrenalina;

c) Substancia cinzenta periaquedutal –também chamada substancia cinzenta central, que corresponde à substancia cinzenta que circunda o aqueduto cerebral. Embora tenha estrutura bastante compacta, essa região é considerada um núcleo de formação reticular, importante na regulação da dor;

d) Área tegmentar ventral – situada na parte ventral do tegmento do mesencéfalo, medialmente à substância negra (porção heterogênea domesencéfalo responsável pela produção de dopamina no cérebro e que possui papel importante na recompensa e vício.), contém, neurônios ricos em dopamina.

Imagem 1. Substância reticular

Do ponto de vista citoarquitetural, a formação reticular pode ser dividida em uma zona magnocelular, de células grandes que ocupam seus 2/3 mediais, e uma zona parvocelular, de células pequenas queocupam o terço lateral. A zona magnocelular dá origem às vias ascendentes e descendentes longas e pode ser considerada zona efetuadora de formação reticular. Um aspecto interessante mostrado com técnicas de impregnação metálica é que muitos neurônios de formação reticular tem axônios muito grandes que se separam em dois ramos dando um ramo ascendente e outro descendente, os quais se estendem aolongo de todo o tronco encefálico, podendo atingir a medula e o diencéfalo.
Um grande numero de pesquisas com técnicas histoquímicas (estudo da constituição química e metabolismos das células e tecidos) mostrou que, também do ponto de vista bioquímico, a formação reticular não é homogênea, havendo neurônios com vários tipos de neurotransmissores, destacando-se as monoaminas, comonoradrenalina, serotonina e a dopamina.
A formação reticular possui varias conexões amplas e variadas. Além de receber impulsos que entram pelos nervos cranianos, ela mantém relações nos dois sentidos com o cérebro, o cerebelo e a medula.
a) Conexões com o cérebro – a formação reticular projeta fibras para todo o córtex cerebral, por via talâmica e extratalâmica. Projeta-se também...
tracking img