Prova ufmt

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4007 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA CARREIRA DE TÉCNICO ADMINISTRATIVO EM EDUCAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO
(EDITAL N.º 009/PROAD/CGP/2006)

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO

PRÓ-REITORIA ADMINISTRATIVA

Nível Médio

CADERNO DE PROVA OBJETIVA

Nome do Candidato

Número de Inscrição

Assinatura do Candidato

-

Órgão Executor: UNIVERSIDADEFEDERAL DE MATO GROSSO Coordenação de Exames Vestibulares

www.pciconcursos.com.br

INSTRUÇÕES
LEIA COM ATENÇÃO
1. Este Caderno de Prova, com páginas numeradas de 1 a 10, é constituído de 40 (quarenta) questões objetivas, cada uma com cinco alternativas, assim distribuídas: 01 a 15 – Língua Portuguesa 16 a 40 – Conhecimentos Específicos 2. Caso o Caderno de Prova esteja incompleto ou tenhaqualquer defeito de impressão, solicite ao fiscal que o substitua. 3. Sobre a Marcação da Folha de Respostas As respostas deverão ser, obrigatoriamente, transcritas com caneta esferográfica de tinta preta não porosa para a Folha de Respostas, que será o único documento válido para correção. Não haverá substituição da Folha de Respostas por erro do candidato. 3.1. Para cada questão existe apenas umaalternativa que a responde acertadamente. Para a marcação da alternativa escolhida na FOLHA DE RESPOSTAS, pinte completamente o campo correspondente. Exemplo: Suponha que para determinada questão a alternativa C seja a escolhida. N.º da Questão A B
C

D E 3.2. Será invalidada a questão em que houver mais de uma marcação, marcação rasurada ou emendada, ou não houver marcação. 3.3. Não rasure nemamasse a FOLHA DE RESPOSTAS. 4. A duração da prova é de 4 (quatro) horas, já incluído o tempo destinado ao preenchimento da FOLHA DE RESPOSTAS. 5. Todos os espaços em branco, neste caderno, podem ser utilizados para rascunho. 6. Será permitida a saída de candidatos da sala de prova somente após decorridas 2:30 h (duas horas e trinta minutos) do início da prova. Nesse caso, o candidato deveráentregar, obrigatoriamente, ao fiscal o Caderno de Prova e a Folha de Respostas. 7. O candidato que insistir em sair da sala de prova antes de transcorridas 2:30 h (duas horas e trinta minutos) do início da prova deverá assinar Termo de Ocorrência declarando desistência do Concurso. 8. Será permitida a saída de candidatos levando o Caderno de Prova somente após três horas e trinta minutos do início daprova. 9. Terminada a prova, o candidato deverá, obrigatoriamente, entregar ao fiscal a FOLHA DE RESPOSTAS.

www.pciconcursos.com.br

LÍNGUA PORTUGUESA
INSTRUÇÃO: Leia atentamente o texto abaixo para responder às questões de 01 a 09.

O coronel e o lobisomem
Num repente, relembrei estar em noite de lobisomem – era sexta-feira.[...] Já um estirão era andado quando, numa roça de mandioca,adveio aquele figurão de cachorro, uma peça de vinte palmos de pêlo e raiva.[...] Dei um pulo de cabrito e preparado estava para a guerra do lobisomem. Por descargo de consciência, do que nem carecia, chamei os santos de que sou devocioneiro: - São Jorge, Santo Onofre, São José! Em presença de tal apelação, mais brabento apareceu o peste. Ciscava o chão de soltar terra e macega no longe de dezbraças ou mais. Era trabalho de gelar qualquer cristão que não levasse o nome de Ponciano de Azeredo Furtado. Dos olhos do lobisomem pingava labareda, em risco de contaminar de fogo o verdal adjacente. Tanta chispa largava o penitente que um caçador de paca, estando em distância de bom respeito, cuidou que o mato estivesse ardendo. Já nessa altura eu tinha pegado a segurança de uma figueira e lá decima, no galho mais firme, aguardava a deliberação do lobisomem. Garrucha engatilhada, só pedia que o assombrado desse franquia de tiro. Sabidão, cheio de voltas e negaças, deu ele de executar macaquice que nunca cuidei que um lobisomem pudesse fazer. Aquele par de brasas espiava aqui e lá na esperança de que pensasse ser uma súcia deles e não uma pessoa sozinha. O que o galhofista queria é que...
tracking img